Dana White volta atrás e cogita Ronda Rousey no UFC

Presidente do UFC afirmou que ex-judoca pode ser a primeira mulher na organização

O presidente do UFC, Dana White, afirmou em diversas entrevistas que era contra ao MMA feminino. O principal motivo, segundo ele, era a falta de mulheres que competissem em alto nível,  mas o dirigente, ao que tudo indica, parece ter mudado de ideia.

Em entrevista ao canal Showtime, o dirigente afirmou que a ex-judoca, Ronda Rousey, pode ser a primeira mulher a lutar no octógono do Ultimate.

“Nos próximos dez anos, se houver alguma mulher no octógono, provavelmente ela será Ronda Rousey”, disse White, que elogiou outras atletas do MMA feminino.

“Existem ótimas lutadoras antes de Ronda Rousey. Gina Carano é linda. Cris Cyborg é inacreditavelmente talentosa, ela tem muita pegada”, afirmou White que apontou o duelo entre Ronda e Tate, realizado em março, como o “divisor de águas” do MMA feminino. “O que me fez mudar e acho que mudou também muitas pessoas sobre o MMA feminino foi Tate x Rousey. Aquela foi uma luta como se fosse entre homens: duas mulheres inacreditavelmente talentosas que estão muito bem cercadas, e não faz mal a ninguém quando elas são bonitas também”, completou White.

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Porco
Porco
8 anos atrás

ta na hora de um TUF das mulheres!