Dana White revela que UFC está próximo de ter 15 mulheres em seu quadro de atletas

Porém, presidente afirmou que uma categoria peso pena feminina não está nos planos para um futuro próximo

Ronda Rousey, primeira mulher detentora de um título no UFC, vai ter mais companhia em breve. Foto: Josh Hedges/UFC

Ronda Rousey, primeira mulher detentora de um título no UFC, vai ter mais companhia em breve. Foto: Josh Hedges/UFC

O UFC conta atualmente com seis mulheres em seu quadro de lutadores, todas elas na categoria peso galo (até 61 kg), incluindo Ronda Rousey e Liz Carmouche – que se enfrentam na primeira luta feminina da história da organização. Esse número pequeno de lutadoras está com os dias contados. O presidente do Ultimate, Dana White, revelou que já tem mais nove nomes praticamente certos e que serão adicionados à única divisão feminina em breve.

Apesar de estar chegando já a um número satisfatório de lutadoras no elenco, White não acredita na criação de uma categoria peso pena  feminina (até 66 kg) em um futuro próximo. “Vamos ver o que acontece, mas eu não sei se adicionaríamos a categoria peso pena nos próximos meses, porque durante o ano nós vamos fortalecer essa divisão peso galo”, disse na última sexta-feira (22), em entrevista durante a promoção do UFC 157.

O dirigente não detalhou quem são as nove atletas que estariam chegando ao Ultimate. Ao invés disso, preferiu comentar a repercussão positiva que a realização da primeira luta feminina da história do UFC tem obtido. “É incrível como muitas mulheres estão falando sobre essa luta. Estamos ouvindo em Las Vegas que todas as mulheres estão dizendo a seus amigos que estão acompanhando. Esta coisa é maior do que eu pensava”, finalizou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário