Técnico de Napão promete entrar com recurso contra derrota diante de Travis Browne

Marco Alvan reafirma que golpes que nocautearam o brasileiro foram aplicados na nuca

Napão (esq.) ao lado de Alvan (dir.). Foto: Arquivo Pessoal  / Divulgação

Napão (esq.) ao lado de Alvan (dir.). Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

A luta entre Gabriel Napão e Travis Browne ainda não acabou. Apesar do norte-americano ter nocauteado o brasileiro no TUF 17 Finale, evento realizado, neste sábado (13), em Las Vegas, o técnico do atleta tupiniquim promete recorrer do resultado.

Através de seu perfil no Facebook, Marco Alvan, treinador de Napão, garantiu que os golpes que deram a vitória para Travis foram ilegais. Ele afirmou que irá entrar com recurso junto a Comissão Atlética de Nevada, entidade que sancionou o evento, para anular a derrota de Gabriel.

“Vamos recorrer com a Comissão Atlética de Nevada pois achamos que foram ilegais as cotoveladas na nuca. Sempre aceitei qualquer derrota que tivemos, mas essa foi ilegal. O Napão está bem, obrigado pelo apoio”, publicou Alvan na rede social.

No duelo, Browne acertou algumas cotoveladas que acertaram a nuca de Napão, o que é ilegal. Mas o árbitro Chris Tognoni não percebeu a irregularidade, deixou o combate seguir e Travis venceu por nocaute.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
bira
bira
7 anos atrás

sem noção esse tal de dana dar nocaute da noite pra golpes ilegais,é importante lembrar que a decisão de premiaçoes da noite é depois das lutas então isso significa que eles tiverão coragem de ver os golpes ilegais e mesmo assim premiar,credibilidade sempre deixando a desejar