Após derrota polêmica, Napão mira em revanche contra Browne

Brasileiro levou várias cotoveladas na nuca durante a luta contra Travis Browne

Browne (dir.) acerta cotoveladas na nuca de Napão (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

Browne (dir.) acerta cotoveladas na nuca de Napão (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

A luta entre Gabriel Napão e Travis Browne ainda não acabou, pelo menos para o peso pesado brasileiro. Após ser nocauteado pelo norte-americano no TUF 17 Finale com cotoveladas na nunca – golpe que é ilegal – o faixa-preta revela que não lembra do que aconteceu, mas já mira em uma revanche contra o rival.

“Fui nocauteado e não me lembro de muita coisa. Quando eu coloquei o Browne na grade, ele deu algumas cotoveladas na minha nuca e o juiz falou com ele. Logo depois, eu coloquei a cabeça para o outro lado, mas quando virei novamente, ele recomeçou com as cotoveladas”, disse Napão, em entrevista ao SporTV.

“Seria interessante uma revanche, mas não quero parecer aqueles perdedores querendo a luta novamente. As imagens mostram o que aconteceu e, se for constatado que as cotoveladas foram ilegais, eu gostaria de enfrentá-lo de novo. Equívocos acontecem em todos os esportes. Os juízes estão sujeitos a erros também. Eu não me incomodo com a derrota, o que me incomoda é a dúvida a respeito da legalidade dos golpes que eu recebi”, completou.

O combate entre Gabriel Napão e Travis Browne esteve no card principal do TUF 17 Finale, evento realizado no últimos sábado (13), em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments