Médico descarta fratura em Jon Jones e diz que campeão estará liberado para lutar em dois meses

Robert Klapper diz que aconteceu apenas um deslocamento no dedão do pé direito e Jones poderá treinar em seis semanas

Jones-dedoO norte-americano Jon Jones deve estar liberado para voltar ao octógono antes do esperado. Após o campeão dos meio-pesados ter sofrido uma lesão no dedo do pé durante sua luta contra Chael Sonnen no UFC 159, evento realizado no último sábado, ele poderia ter que passar por um longo tratamento até voltar as atividades. Porém, o médico que atendeu o lutador  marcou o retorno do campeão ainda para o primeiro semestre.

Segundo Robert Klapper, chefe de ortopedia do Cedars-Sinai Hospital,  Jones será liberado para lutar em menos de dois meses. O médico afirmou que o dono do cinturão dos meio-pesados não sofreu uma fratura no membro, mas apenas deslocou o dedão do pé direito.

“A reabilitação consiste em colocar o dedo no lugar e realinhá-lo, uma vez que não houve fratura, mas sim um deslocamento. Em seis semanas a lesão estará curada e, a partir desse momento, inicia-se a fisioterapia para recuperar a amplitude de movimentos e o reforço da musculatura ao redor do local. Ele estará apto a lutar em, no máximo, oito semanas”, revelou o médico, em entrevista ao programa “UFC Tonight”.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments