Universidade Federal do Ceará pode mudar sigla e evitar confusão com o UFC

Sigla atual sem o código do estado foge do padrão das universidades federais brasileiras e faz associação ao MMA

Reitor da Universidade Federal do Ceará tenta mudar a sigla da instituição para evitar confusão com o UFC. Foto: Ingo Ararê

Reitor da Universidade Federal do Ceará tenta mudar a sigla da instituição para evitar confusão com o UFC. Foto: Reprodução / Facebook

A maioria das universidades federais do Brasil levam em sua sigla o código de duas letras que identifica o estado de origem. Assim são conhecidas a UFRJ, a UFBA e a UFMG, dentre outras. Uma exceção fica por conta da Universidade Federal do Ceará. Porém, o reitor da entidade quer mudar a sigla. Os motivos são simples: adequação ao padrão nacional e o fim da confusão com o Ultimate Fighting Championship.

A ideia do reitor Jesualdo Farias é mudar a identificação de sua universidade para UFCE. “Estamos perdendo para o UFC e a nossa UFC pode mudar para UFCE, adotando assim a sigla do nosso estado por completo”, disse Farias ao Estadão.

A proposta será encaminhada para deliberação no Conselho Universitário da UFC, universidade fundada em 16 de dezembro de 1954, 39 anos antes de Rorion Gracie criar o Ultimate. Mas o reitor sabe que não será fácil convencer pela mudança. “É um processo que precisa ser debatido com toda comunidade acadêmica e já iniciamos um trabalho nesse sentido. E já estamos tratando na parte jurídica para resolver isso”.

Marcadores: UFC

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments