Acusado criminalmente de agressão, Melvin Guillard escapa de prisão

Peso leve, que luta em julho, terá que cumprir pena em liberdade condicional e serviços comunitários

Salvo da prisão, M. Guillard (foto) encara o campeão do TUF 6, Mac Danzig, em julho. Foto: Josh Hedges/UFC

Salvo da prisão, M. Guillard (foto) encara o campeão do TUF 6, Mac Danzig, em julho. Foto: Josh Hedges/UFC

A vida de Melvin Guillard não anda muito bem dentro do octógono. Desde que deixou a equipe de Greg Jackson, o peso leve norte-americano amargou quatro derrotas em cinco lutas. A situação do lutador também não era das melhores fora do cage, mas, pelo menos neste aspecto, o atleta recebeu uma notícia amenizadora.

Acusado de agressão no estado do Novo México, nos Estados Unidos, Guillard estava aguardando a setença que poderia mandá-lo para a prisão. Porém, de acordo com o reportado pelo site da revista Sports Illustrated, escapou de ser enclausurado. O “Jovem Assassino” foi condenado a prestar serviços comunitários em liberdade condicional até junho de 2015, além de pagar fiança.

De volta à equipe onde viveu seus melhores momentos profissionais, Guillard tem luta marcada para o dia 27 de julho, quando enfrentará Mac Danzig no UFC On FOX 8. O evento será liderado pela disputa do cinturão peso mosca entre o campeão Demetrious Johnson e o desafiante John Moraga.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário