Globo tenta renegociar atraso de 30 minutos em transmissões do UFC

Segundo colunista Lauro Jardim, questão vai ser debatida na renovação de contrato entre a emissora e o Ultimate

Cláusula de delay obriga a Globo a transmitir eventos do UFC com atraso de 30 minutos. Foto: UFC/Divulgação

Cláusula de delay obriga a Globo a transmitir eventos do UFC com atraso de 30 minutos. Foto: UFC/Divulgação

Como já é comum nos eventos da série numerada do Ultimate, a Rede Globo vai transmitir o duelo entre Anderson Silva e Chris Weidman – neste sábado (6) – com 30 minutos de atraso. Mas segundo a coluna “Radar Online”, do site da revista Veja, essa é uma questão que incomoda a emissora e que vai ser tratada na renovação do contrato com o UFC.

Segundo Lauro Jardim, que assina a coluna, no próximo contrato entre a Globo e o Ultimate, a emissora carioca vai tentar rever a clausula de delay – que existe para preservar as vendas de pay-per-view. O atual vínculo entre a maior rede de televisão do país e a principal organização de MMA do planeta foi assinado em 2011.

Já nas primeiras horas deste domingo (7), a Rede Globo transmite somente a luta principal do UFC 162: entre Anderson Silva e Chris Weidman. Galvão Bueno, principal narrador da emissora, está fora da transmissão. Cléber Machado comanda a atração.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário