Para técnico de Jon Jones, Anderson Silva vence revanche contra Weidman

Mike Winkeljohn, no entanto, disse que Weidman conseguiu estabelecer seu jogo em pé no primeiro confronto

Mike Winkeljohn também foi mais um a opinar sobre a revanche entre C. Weidman (dir.) e A. Silva (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

Mike Winkeljohn também foi mais um a opinar sobre a revanche entre C. Weidman (dir.) e A. Silva (esq.). Foto: Josh Hedges/UFC

Desde a derrota de Anderson Silva para Chris Weidman no UFC 162, realizado no último sábado (6), muitos fãs, analistas e personalidades do MMA expuseram sua opinião sobre o confronto e uma possível revanche pelo título dos pesos médios. Nesta quinta-feira (11) foi a vez de Mike Winkeljohn, treinador de Jon Jones, revelar que acredita em uma vitória do Spider, durante entrevista ao site “Bloody Elbow”.

“Eu acho que Chris virá com um plano de jogo semelhante e Anderson não vai ficar com palhaçadas, acho que vai ser uma guerra. Caso Anderson esteja de volta em sua velha forma, acho que pode vencer Chris neste momento. Mas, agora que ele está atingido, um pouco de sua confiança pode ser estar pouco baixa. É um uma disputa acirrada. Chris agora tem Anderson se preocupando com suas mãos. Ele foi capaz de levar Anderson para baixo. Ele viu a defesa de Anderson no chão e agora ele vai saber como minar a defesa e obter sua ofensa indo no chão”, disse o técnico, que é parceiro Greg Jackson na Jackson-Winkeljohn’s MMA.

No último sábado (6), Anderson Silva foi derrotado por Chris Weidman na luta principal do UFC 162, em Las Vegas (EUA). O nocaute aplicado por Weidman foi o primeiro sofrido pelo Spider em 15 anos de carreira. Além disso, o combate marcou a primeira derrota do brasileiro no Ultimate, organização pela qual atua desde 2006, e pôs fim a uma sequência de dez defesas de cinturão consecutivas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments