Brasileiro Natan Schulte entrega luta dura, mas perde por pontos em resultado polêmico na PFL 2022 #1

Catarinense faz luta equilibrada e acaba derrotado por Olivier Aubin-Mercier na decisão dividida; ele estreia sem pontuar em nova temporada da organização

N. Schulte (dir.) perdeu para O. Aubin-Mercier (esq.) na PFL 2022 #1. Foto: Reprodução/Twitter

Na abertura do card principal da PFL 2022 #1, evento realizado nesta quarta-feira (20), Natan Schulte não teve vida fácil em seu início de trajetória no torneio dos leves (até 70,3kg.). Bicampeão nas temporadas 2018 e 2019, o catarinense entregou luta dura, mas foi derrotado por Olivier Aubin-Mercier na decisão dividida dos juízes.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Com isso, Natan termina a primeira rodada sem pontuar e precisa de bons desfechos para passar de fase. Em sua carreira, agora, são 21 triunfos, cinco reveses e um empate.

Olivier, por sua vez, tem três pontos nos leves (até 70,3kg.). O canadense coleciona um cartel de 13 resultados positivos e cinco negativos na carreira.

PUBLICIDADE:

A Luta

A primeira iniciativa do combate foi tomada por Natan, que chutou Aubin-Mercier na linha da cintura. O brasileiro seguiu marchando para frente, sempre no raio de ação do adversário. Schulte era contragolpeado com frequência, mas parecia não sentir os golpes, até que um chute na costela o fez dobrar e sentir. Em seguida, ele tentou, sem sucesso, uma queda e ficou atento às novas investidas do canadense na linha da cintura. Na reta final, a luta se manteve na trocação franca entre os atletas, com equilíbrio e bons momentos para ambos os lados.

Na volta ao segundo round, Natan seguiu em sua estratégia e tinha sua guarda vazada nos contra-ataques de Olivier. Concentrado, o brasileiro jogava os golpes e esperava reações de seu oponente na trocação para voltar a agir. Ele conseguiu entrar com boas combinações de diretos e cruzados. Aubin-Mercier, por outro lado, seguia chutando na linha da cintura, justamente onde fez Schulte sentir.

PUBLICIDADE:

Em desvantagem no combate, Schulte voltou ao terceiro round disposto a reverter a situação para sair vitorioso. O brasileiro teve bons momentos e chegou a balançar Aubin-Mercier com joelhadas e combinações na curta distância, mas cansou nos últimos minutos e não conseguiu um golpe limpo para nocautear.

PUBLICIDADE:

Resultados da PFL 1 2022

CARD PRINCIPAL

Peso leve (até 70.3 kg.): Clay Collard derrotou Jeremy Stephens na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve (até 70.3 kg.): Raush Manfio derrotou Don Madge por nocaute aos 2m42s do R3

Peso meio-pesado (até 93kg) : Antonio Cara de Sapato derrotou Delan Monte por finalização (estrangulamento) aos 29s do R1  

Peso leve (até 70.3 kg.): Olivier Aubin-Mercier derrotou Natan Schulte na decisão dividida dos juízes (29×29, 28×29, 29×28)

CARD PRELIMINAR

Peso meio-pesado (até 93kg.): Cory Henderson derrotou Emiliano Sordi por nocaute técnico a 2m13seg. do R2

Peso leve (até 70.3kg.): Alexander Martinez derrotou Stevie Ray na decisão unânime dos juízes (30-27, 29-28, 30-27)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Marthin Hamlet derrotou Teodoras Aukstuolis na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Omari Akhmedov derrotou Viktor Pesta por nocaute (socos) aos 1m25s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg.): Robert Wilkinson derrotou Bruce Souto por nocaute técnico (socos) aos 46s do R2

Peso meio-pesado (até 93kg.): Simeon Powell derrotou Clinton Williams por nocaute (joelhada) aos 4m38s do R3

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276