Assessoria de Velasquez nega lesão na mandíbula após vitória sobre Cigano

Heidi Seibert, da equipe do campeão, afirmou que o atleta está bem e tem se alimentado sem problemas

C.Velasquez comemora vitória sobre J. dos Santos. Foto: Josh Hedges/UFC

C.Velasquez comemora vitória sobre J. dos Santos. Foto: Josh Hedges/UFC

A suspensão até abril de 2014 por causa de uma lesão na mandíbula após a vitória sobre Junior Cigano no UFC 166 pegou até o próprio Cain Velasquez de surpresa. Segundo Heidi Seibert, assessora de imprensa do campeão dos pesados, o atleta não possui nenhuma contusão grave na região e tem se  alimentado normalmente desde o término do combate.

“A mandíbula está completamente boa e estava totalmente bem. Ele não foi ao médico nem nada. Ele está no parque com sua família, está comendo tudo o que quer. Ele está bem”, disse Seibert ao site “MMA Junkie”. A assessora revelou que Velasquez tomou alguns pontos no rosto depois do evento, mas que, com sua equipe, uma possível lesão na mandíbula sequer chegou a ser discutida.

No último sábado (19), Cain Velasquez fechou a trilogia contra Junior “Cigano” dos Santos com mais uma vitória e manteve o cinturão dos pesos pesados, na luta principal do UFC 166, em Houston (EUA). De acordo com o presidente do Ultimate Dana White, o próximo adversário de Velasquez pelo título deve ser o brasileiro Fabrício Werdum.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments