Shinya Aoki explica recusa ao UFC: ‘Tenho mais a ganhar no One FC’

Lutador japonês, atualmente competindo nos penas, atribui decisão ao tratamento recebido em seu atual emprego

S. Aoki. Foto: Divulgação

S. Aoki. Foto: Divulgação

Shinya Aoki, um dos principais lutadores japoneses da atualidade, explicou o motivo pelo qual negou a proposta para se juntar ao UFC a partir do próximo ano.

Atualmente competindo no evento asiático One FC, Aoki declarou que se sente completamente realizado em seu emprego, e, por isso, não trocaria sua atual situação por algo incerto nos Estados Unidos. “O One FC tem cuidado de mim. Eles me tratam muito bem. Conheço os lutadores de lá e estou confortável no One FC. Acho que tenho mais a ganhar lutando por lá”, justificou, em entrevista ao blog norte-americano Cagewriter.

O japonês afirmou que não é sua prioridade ser reconhecido pelo público de todo o planeta. “Estou feliz que os fãs de todo lugar me assistiriam lutar. Me sinto honrado com isso, mas não é minha meta gerar apelo a todo mundo”, contou.

Aoki, lutador com passagens marcantes pelo PRIDE e Dream, atualmente compete na categoria dos penas. Apesar de ser contratado pelo One FC, ele deverá fazer sua próxima luta no evento comemorativo de final de ano Inoki Bom-Ba-Ye, contra Toshikatsu Harada.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments