No hospital, Anderson Silva pergunta ao médico: ‘Quando vou voltar a treinar?’

Ortopedista Steven Sanders não acredita que Spider ficará com predisposição a se lesionar após a fratura

A. Silva (dir.) no momento do chute que resultou na fratura. Foto: Josh Hedges/UFC

A. Silva (dir.) no momento do chute que resultou na fratura. Foto: Josh Hedges/UFC

Desde que fraturou Anderson Silva perna esquerda na luta contra Chris Weidman, na luta principal do UFC 168,  a recuperação do Spider tem sido tratada como prioridade, acima de questionamentos sobre seu hipotético retorno ao octógono. No entanto, o médico do Ultimate Steven Sanders, responsável pelo tratamento do Spider no Centro Médico Universitário de Las Vegas, revelou em conferência telefônica com a imprensa que o próprio lutador já faz perguntas sobre sua eventual volta aos treinos.

“No pré-operatório, suas perguntas eram: ‘Quando vou voltar a treinar?'”, contou o médico. “Faz menos de 48 horas que ele passou pela cirurgia e já o vi utilizando muletas. Eu acho isso maravilhoso porque não sei se conseguiria fazer isso de forma tão rápida!  Eu não posso precisar quando ele poderá colocar a perna no chão, mas assim que a dor melhorar ele poderá começar a colocar mais peso na perna. A reabilitação real que ele terá que fazer será nos músculos, que vão se atrofiar no tempo que ele ficar parado. O osso se cura sozinho, são os músculos que precisam ser trabalhados”,completou Sanders, que reiterou que o prazo estimado de recuperação do brasileiro é de três a seis meses.

O médico também destacou que não acredita que a atual lesão vá deixar o Spider com predisposição a novas contusões no local, uma grande preocupação caso o ex-campeão opte por voltar a lutar. “Pelo raio-x dá para ver, além das fraturas, a característica dos ossos. Eu tentei ver se havia alguma micro fratura no osso, especialmente porque ele já vem treinando há tanto tempo, está com 38 anos e acostumado a esse tipo de chutes. Mas a natureza do osso dele estava completamente normal, não havia nada que explicasse ou que indicasse uma predisposição para esse tipo de lesão. Do ponto de vista médico, o que aconteceu com o Anderson, caso ele volte a treinar, não deve deixá-lo com uma predisposição maior para sofrer uma nova lesão no futuro, na área afetada”, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
adriano gama
6 anos atrás

eu não acredito que Anderson Silva teria sido derrotado por weidman, quem realmente acompanha as lutas de Anderson Silva sabe, este homem ja fez coisas extraordinárias, ele realmente teria ganho do Chris se tivesse continuado. quem tiver duvidas procure o primeiro encontro que o spider teve com chael sonnen…