Werdum detona TUF Brasil: ‘A produção estava se lixando pra gente’

Enquanto grava versão latina do TUF nos EUA, desafiante ao cinturão dos pesados criticou reality show brasileiro

Werdum durante gravações do TUF América Latina nos EUA. Foto: Reprodução/Facebook

Werdum durante gravações do TUF América Latina nos EUA. Foto: Reprodução/Facebook

A presença de atletas brasileiros no comando técnico de edições internacionais do The Ultimate Fighter não é comum. Até hoje, somente três lutadores ocuparam o posto: Junior Cigano, Rodrigo Minotauro e Fabrício Werdum – que atualmente grava o TUF América Latina nos EUA. Entre os citados, os dois últimos foram também treinadores do TUF Brasil 2. Diante da experiência no reality show estrangeiro e também no nacional, Werdum traçou um paralelo entre atrações e detonou o programa brasileiro, principalmente no que diz respeito à produção.

“É completamente diferente. A organização não tem nem comparação. A produção no Brasil estava se lixando para a gente. Se você queria uma simples camisa para dar para um lutador treinar, tinha que falar com o Dana White. Os caras (da produção) faziam de tudo para complicar. Aqui (nos EUA) tem muito equipamento e não falta nada”, disparou Werdum, em entrevista ao site da revista “Tatame”.

Além disso, o gaúcho também reclamou da agilidade na produção e afirmou que já chegou a esperar por horas para começar a gravar o TUF Brasil. “Outra coisa: no Brasil, esperávamos cinco horas para poder gravar. Aqui (nos EUA), eu gravo rapidinho e já vou para a minha casa. Nos Estados Unidos, eles valorizam e respeitam o atleta. No Brasil, nos tratavam igual bicho. A qualidade dos atletas é a mesma nos dois lugares, os caras são muito bons, mas a produção dos programas é incomparável”, analisou.

Aos 36 anos, Fabrício Werdum tem um cartel de 18 vitórias, cinco derrotas e um empate. Atualmente, “Vai Cavalo”, como é conhecido, grava nos Estados Unidos a edição latino-americana do The Ultimate Fighter, cuja função técnica divide com o campeão dos pesos pesados Cain Velasquez. Após a exibição do programa, no dia 15 de novembro, Werdum encara Velasquez no duelo dos técnicos, que acontece no UFC 180, na Cidade do México.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments