Du Plessis revela conversa com Strickland no octógono após luta no UFC 297: ‘Admitiu derrota’

De acordo com Du Plessis, Strickland teria o cumprimentado pela vitória em breve diálogo logo após o término do combate

Strickland Du Plessis UFC 297 Instagram UFC Japan

Sean Strickland e Dricus Du Plessis após luta no UFC 297 (Foto: Instagram/UFC Japan)

O resultado da disputa de cinturão dos médios (até 83,9 kg) do UFC 297, que consagrou Dricus Du Plessis novo campeão da categoria após vitória sobre Sean Strickland gerou muitas discussões na comunidade do MMA quanto à decisão dos juízes. De acordo com o sul-africano, no entanto, o próprio Strickland teria chegado a admitir a derrota após a luta.

Em entrevista ao canal ‘SuperSport’, no YouTube, Du Plessis afirmou que, em breve conversa com Strickland antes mesmo do anúncio do vencedor, o norte-americano teria admitido a derrota.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Georges St-Pierre em entrevista no UFC. Foto/Reprodução: Twitter
Alex Poatan é campeão do UFC. Foto: Reprodução/Instagram

“Esta é a primeira vez que eu venho a público dizer isso: ele veio até a mim diretamente no octógono antes de me anunciarem como novo campeão. Eu apertei as mãos dele, disse que ele era um guerreiro e o parabenizei pela grande luta e ele disse que eu definitivamente tinha vencido. Ele disse que eu mereci e venci aquela luta. Eu disse que achava o mesmo e que tinha que concordar com ele. Depois que eu venci a luta você podia ver no rosto dele. Ele sabia. Quando o árbitro segurou nossas mãos, ele sabia que não havia vencido a luta”, relatou o campeão.

Dias após a polêmica disputa de cinturão, Sean Strickland foi às redes sociais acusar Du Plessis de ter o atingido com uma cabeçada que teria aberto o abundante sangramento e seu rosto e prejudicado sua performance nos últimos rounds. O atual campeão, no entanto, nega e questiona a mudança de postura do rival.

PUBLICIDADE:

“Claro que ele fala sobre a cabeçada, que não é verdade. Eu lembro o exato soco que fez os olhos dele começarem a sangrar. Depois de tudo, quando estávamos recebendo atendimento médico, ele veio me dizer que eu era um guerreiro e que não gostaria de ter perdido para mais ninguém, porque eu merecia aquilo. Aí no Twitter ele vem falar que eu nunca vou ser um campeão ou algo do tipo. Não tenho nada contra o cara. Pela minha experiência ele é um cara emotivo, mas não acho que seja uma pessoa ruim”, finalizou.

Risco para Charles do Bronx no UFC?

Leia Mais sobre: , , ,


Resultados do UFC Las Vegas 87 Resultados do Fight Music Show 4 Resultados do PFL x Bellator Resultados do UFC 298 Resultados do UFC Las Vegas 86