Presidente do WSOF isenta Toquinho e diz que finalização sobre Fitch foi “limpa”

Ray Sefo defendeu o campeão dos meio-médios e fez questão de exaltar as qualidades do brasileiro

Toquinho recebe o cinturão do WSOF das mãos de Ray Sefo. Foto: Divulgação

Toquinho recebe o cinturão do WSOF das mãos de Ray Sefo. Foto: Divulgação

No último fim de semana, mais uma vez, Rousimar Toquinho se viu em meio a uma polêmica envolvendo o tempo que levou para soltar uma finalização, após pegar o norte-americano Jon Fitch em uma chave de joelho e largá-lo somente após quase dez batidas de desistência. Porém, se depender do presidente do WSOF Ray Sefo, o brasileiro não fez nada de mais. O dirigente isentou Toquinho de responsabilidade no episódio e fez questão de exaltar o campeão dos meio-médios.

Veja Também

Vídeo: Assista à vitória de Toquinho sobre Jon Fitch no WSOF 16
Vídeo: Assista aos melhores momentos da vitória de Junior Cigano sobre Stipe Miocic
Vídeo: Assista aos melhores momentos da luta entre Rafael dos Anjos e Nate Diaz

“A vitória do (Rousimar) Palhares sobre o Jon Fitch foi perfeitamente limpa. Palhares me impressiona a cada vez que luta. Todos sabem que ele é um mestre no que faz e, mesmo com seus oponentes sabendo exatamente o que ele vai fazer, eles não conseguem pará-lo. Ele é um cara assustador para qualquer um no mundo lutar”, declarou Sefo, em entrevista ao site norte-americano “MMA Junkie”.

Aos 34 anos, Rousimar Palhares tem um cartel profissional de 17 vitórias e seis derrotas. O brasileiro vem de três triunfos consecutivos e está invicto desde que desceu para a categoria peso meio-médio, com limite de peso até 77 kg.

Em outubro do ano passado, Toquinho, como é conhecido, foi demitido do UFC após segurar por tempo demais uma finalização sobre o norte-americano Mike Pierce em Barueri (SP).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments