Após derrota, Dos Anjos parabeniza Alvarez: 'Não tenho desculpas' | SUPER LUTAS

Após derrota, Dos Anjos parabeniza Alvarez: ‘Não tenho desculpas’

Ex-campeão dos leves diz que estava na melhor forma de sua vida e garante que brasileiros voltarão a ganhar títulos

R. dos Anjos (foto) perdeu o cinturão dos leves. Foto: Josh Hedges/UFC

R. dos Anjos (foto) perdeu o cinturão dos leves. Foto: Josh Hedges/UFC

Rafael dos Anjos adotou um discurso bastante direto para analisar sua derrota para Eddie Alvarez no UFC Fight Night 90, nesta quinta-feira (7), que lhe custou o cinturão dos leves do UFC. O brasileiro afirmou que estava bem treinado para o combate, de modo que os méritos pelo resultado são todos do norte-americano.

Veja Também

Dos Anjos foi destronado da divisão até 70 kg do UFC ainda no primeiro round, quando perdeu por nocaute técnico depois de sofrer com o boxe do oponente. Em vez de apontar qualquer falha própria que possa ter cometido, o agora ex-campeão parabenizou Alvarez. “Não tenho desculpas. Eu estava na melhor forma da minha vida, então dou todo o crédito a Eddie. Ele fez um ótimo trabalho. Minha guarda estava alta quando fui pego. Lutas são assim. Havia vencido dez em minhas 11 lutas, mas os créditos vão a Eddie”, disse, em entrevista coletiva logo após a luta.

Com o resultado, o Brasil passou a ficar momentaneamente sem nenhum cinturão do UFC. No entanto, Dos Anjos não vê isso como grande problema. “Eu era o único que faltava, mas acho que o Brasil é onde tudo começou. Temos muitos lutadores brasileiros e fazemos isso há muito tempo. Novos campeões virão, eu acredito”, analisou.

Nos próximos dias, porém, isso pode mudar: na sexta-feira (8), Cláudia Gadelha desafia Joanna Jedrzejczyk pelo cinturão palha feminino; já no sábado (9), no UFC 200, José Aldo enfrenta Frankie Edgar pelo cinturão interino dos penas, e Amanda Nunes pega Miesha Tate de olho no título galo feminino.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments