Argelino se sagra primeiro campeão do Brave e pegará Lucas Mineiro

Elias Boudegzdame ganha primeiro cinturão da organização e terá que enfrentar o brasileiro, ex-UFC, na primeira defesa

L. Mineiro (dir) encara novo campeão (Foto: Divulgação)

L. Mineiro (dir) encara novo campeão (Foto: Divulgação)

O Brave Combat Federation, evento do Bahrein e que fez seu penúltimo show no Brasil, coroou nesta sexta-feira (31) seu primeiro campeão, no peso pena. O argelino Elias Boudegzdame superou Masio Fullen, ex-lutador do UFC, na luta principal do Brave 4, por finalização no primeiro round e se tornou dono do primeiro cinturão em jogo da organização, que fará sua próxima edição na Índia, em abril.

Veja Também

De olho no UFC 212, Dos Anjos aceita desafio ‘antigo’ de Saffiedine
Ultimate planeja Lamas x Zumbi Coreano na luta principal do UFC on Fox 25
Lucas Mineiro finaliza no Brave 3 em noite de vitórias brasileiras

O evento, que aconteceu em Abu Dhabi (EAU), contou com a presença de Lucas Mineiro. O brasileiro, que também já lutou pelo Ultimate, venceu Fabian Galván no Brave 3 e se credenciou a disputar o cinturão. Ele deve enfrentar Boudegzdame ainda neste ano, possivelmente no retorno do Brave ao Brasil, como o SUPER LUTAS antecipou em primeira mão. Ao fim da luta principal, Mineiro subiu ao cage e encarou Boudegzdame e o provocou, dizendo que o título na cintura do argelino era dele.

Na segunda luta mais importante da noite, o brasileiro Vinícius “Thunder” Cruz, que é um dos sparrings de Anderson Silva na academia carioca X-Gym, perdeu no segundo assalto para Mohammad Fakhreddine, por nocaute técnico, após sofrer um corte quando estava por baixo.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments