Cigano quebra silêncio sobre doping e avisa: “Nunca trapacearia”

Ex-campeão dos pesados garante inocência em caso de doping e garante que tudo será resolvido em breve

Cigano quebra silêncio após doping. Foto: Reprodução / Instagram

Cigano quebra silêncio após doping. Foto: Reprodução / Instagram

Júnior Cigano quebrou o silêncio! O brasileiro falou pela primeira vez após ser flagrado em um teste antidoping surpresa aplicado pela USADA e acabou removido do programa de lutas do UFC 215.

Através de uma longa publicação no Instagram, o lutador revelou que ‘nunca trapacearia’ e espera ter nova chance de enfrentar Francis Ngannou em um futuro próximo.

Veja Também

Júnior Cigano falha em teste antidoping e está fora do UFC 215
Cigano pedirá contraprova de doping positivo
Mayweather promete passar semana de luta contra McGregor em casa de striptease

“Oi, pessoal, não estou aqui para dar explicações, logo tudo será esclarecido para todos vocês e, sem dúvidas, a verdade prevalecerá. Estou aqui em respeito a todos vocês. Eu só quero que saibam que essa situação tem sido bastante difícil para mim, meu time e minha família. Eu nunca trapacearia, isso vai contra tudo o que acredito e apoio. Nós estamos investigando isso a fundo e logo descobriremos o que aconteceu, aprenderemos com isso e seguiremos em frente. Espero que em um futuro próximo, Francis Ngannou e eu possamos nos enfrentar e dar a vocês a luta que estavam esperando ver. Por agora, muito obrigado por todo seu apoio, isso significa muito para mim e é por isso que estou aqui”, escreveu Cigano na rede social.

Entenda

Júnior Cigano testou positivo em um exame surpresa aplicada pela USADA com hidroclorotiazida, um diurético que é proibido pela Agência Mundial Antidoping. Com isso, o lutador foi removido do UFC 215, evento que acontece dia 9 de setembro, onde enfrentaria Francis Ngannou. A equipe do brasileiro alega inocência e revelou que pedirá a contraprova do teste

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments