St. Pierre volta em terceiro no ranking peso por peso do UFC

Canadense se recolocou no ranking entre os três melhores do UFC independente da categoria. Paulo Borrachinha estreia nos médios

GSP voltou com tudo ao ranking (Foto: Reprodução Instagram ufc)

GSP voltou com tudo ao ranking (Foto: Reprodução Instagram ufc)

Ex-campeão meio-médio, Georges St. Pierre voltou ao Ultimate após quatro anos fora conquistando de cara o título dos médios em cima de Michael Bisping no UFC 217 do último sábado. E o triunfo lhe rendeu ótimas posições em seu retorno ao ranking. O canadense entrou na lista de lutadores peso-por-peso já na terceira colocação, atrás apenas de Demetrious Johnson, campeão peso mosca, e Conor McGregor, dono do cinturão dos leves.

Veja Também

St. Pierre recebe suspensão médica de 45 dias após o UFC 217
Borrachinha revela ‘bullying’ de Joanna a Namajunas nos bastidores
Dominick Cruz quebra o braço e deixa luta contra Jimmie Rivera no UFC 219

Com isso, o campeão dos penas Max Holloway caiu uma posição e está em quartro no ranking, que contempla todos os lutadores do UFC, independente da categoria. Derrotado na luta co-principal do UFC 217 por TJ Dillashaw, Cody Garbrandt perdeu três posições na lista e ocupa agora a 10ª colocação. Seu algoz foi recolocado no ranking, em sétimo. Amanda Nunes, campeã dos galos, subiu dois degraus e está em 12ª, e José Aldo, ex-dono do cinturão pena, perdeu também três posições, ficando em 13º.

Outro destaque na nova edição dos rankings, divulgada nesta semana pelo UFC, foi a estreia de Paulo Borrachinha na lista do peso médio. Após a vitória por nocaute em cima de Johny Hendricks, o brasileiro é o 15º melhor médio do Ultimate. Com a caída de Michael Bisping, que agora é o segundo colocado, atrás do campeão GSP (que não é ranqueado) e de Robert Whittaker, campeão interino, quase todos os atletas da divisão perderam posições. Foram os casos de Lyoto Machida, que caiu para 14º e Ronaldo Jacaré, que agora é apenas o quinto. Anderson Silva, que enfrenta Kelvin Gastelum no UFC China do dia 25 de novembro, também perdeu uma colocação e está em oitavo.

Finalmente, no peso palha feminino, a ascensão de Rose Namajunas como campeã deixou Joanna Jedrzejczyk em primeiro no ranking, empurrando Jéssica Andrade, ex-líder da lista, para a segunda colocação. Claudinha Gadelha, número 2 do antigo ranking, agora é apenas a terceira na lista peso palha. Karolina Kowalkiewicz também perdeu uma posição e está em quarto.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments