Rampage justifica derrota por lesão no joelho e nega aposentadoria

Ryan Bader acerta Rampage Jackson no UFC 144. Foto: Josh Hedges

O ex-campeão do UFC, Quinton Rampage Jackson teve uma apresentação abaixo do esperado no UFC 144, evento realizado neste sábado (25), em Saitama no Japão. Mesmo apoiado pela torcida nipônica, que guarda lembranças de suas atuações dos tempo de Pride, o norte-americano foi dominado por Ryan Bader e perdeu na decisão unânime dos juízes.

Na coletiva de imprensa depois do evento, Rampage revelou ter sofrido uma contusão  no joelho, que impediu seu melhor desempenho. Esta lesão, segundo o atleta, seria o motivo dele não ter alcançado os 93 kg., limite da categoria de meio-pesados, quando Jackson se apresentou com quase três quilos acima do peso.

“Se é para ser honesto, não estou surpreso por ter perdido a luta. Sei o que posso fazer se eu chegar 100%, então acho que tenho um muitos anos pela frente”, disse Jackson, descartando se aposentar. “Estou pronto para mais shows. Estarei curado em breve. Sou como um ‘lobisomem‘. Meu médico falou que eu não deveria ter lutado, mas em breve estarei de volta”, encerrou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments