Comissão erra e luta entre Demetrious Johnson e Ian McCall termina empatada

Ian McCall (esq.) e Demetrious Johnson (dir.) farão a revanche em breve. Foto: Josh Hedges

Os pesos moscas Demetrious Johnson e Ian McCall travaram, no UFC on FX 2, um combate bastante equilibrado e repleto de emoção. Mas fora do octógono, os membros da Comissão Atlética de Nova Gales do Sul, responsável por sancionar o evento, cometeram uma das maiores gafes da história do Ultimate.

Após os 15 minutos de duelo, Bruce Buffer anunciou a vitória de Demetrious Johnson por decisão majoritária, apesar das notas lidas apontarem para uma decisão dividida (29×28, 28×29, 29×28).  Instantes depois, a súmula do evento foi apresentada e Anthony Dimitriou, um dos juízes, havia marcado empate em 29×29 e não a vitória de McCall. Porém, a reviravolta no resultado foi anunciada na coletiva de imprensa do show.

O juiz Sal D’Amato, que inicialmente havia marcado 29×28 a favor de Johnson, se equivocou no preenchimento das papeletas e sua marcação oficial foi de 28×28, sendo concretizado o empate.

Conforme o UFC já havia anunciado, em caso de empate nas lutas do GP de pesos moscas seria realizado um round extra. Porém, com o incidente, a organização anunciou que irá realizar a revanche entre os atletas e o vencedor medirá forças contra Joseph Benavidez pelo cinturão inédito da divisão.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments