Pedro Rizzo nocauteia Ken Shamrock no Impact FC

Ken Shamrock vs. Pedro Rizzo

Com vários brasileiros em ação, aconteceu na noite de ontem, em Sidney, na Australia, a segunda edição do Impact FC. O show contou com lutas bem movimentadas que foram aplaudidas pelo público presente no Sidney Entertainment Centre. No combate principal da noite, festa tupiniquim com Pedro Rizzo, que abusou dos chutes baixos para castigar o americano Ken Shamrock e vencer por nocaute ainda no primeiro assalto.

 

Rizzo nocauteia Ken Shamrock

No combate principal da noite, onde duas lendas do UFC se enfrentaram, melhor para o brasileiro. Dominando toda a trocação, trabalhando o boxe e os potentes low kicks, Pedrão levou Ken a knockdown com um destes chutes baixos e terminando o castigo num duro ground and pound em apenas 3min33seg de luta.

 

Daniel Acácio luta, mas perde para Paul Daley

Diante do inglês Paul Daley, que recentemente deixou o UFC, o faixa-preta Daniel Acácio lutou bem diante do gringo, mas acabou superado no round final por nocaute. No primeiro assalto, tentando sair da perigosa trocação do adversário, Acácio procurou a luta no clinch, mas ao tentar uma entrada acabou escorrendo e ficando por baixo num duro ground and pound de Daley. Já no segundo round, Daniel voltou melhor e marcando bem as entradas no oponente, e conseguiu levar a luta pro chão duas vezes, trabalhar a passagem de guarda e alguns socos por cima. Porém, no último assalto, o brazuca começou melhor e perdeu algumas chances de trabalhar em seu chão, mas depois de ficou por baixo, o Paul usou seu potentíssimo punch para castigar Acácio e abrir um grande corte em sua testa do atleta da CM System que acabou desistindo do combate.

 

Ninja passa sufoco, mas finaliza

O brasileiro Murilo Ninja começou o combate diante de Jeremy May levando um susto. O americano começou melhor na trocaçao e com um cruzado na saída do brasileiro, levou Ninja a knockdown. Ainda tonto, May tentou usar o ground and pound para encerar o combate, mas o líder da UDL conseguiu se defender bem e continuar no combate. Depois do sufoco, Murilo começou a colocar seu eficiente jogo de chão em prática, conseguindo quedas e buscando a finalizar. Após a luta recomeçar em pé, Murilo encaixou uma guilhotina, chamou pra guarda e finalizou no final do primeiro assalto.

 

Paulão e Denis Kang empatam

Depois de ter muito dificuldade para bater o limite de peso da categoria, Paulo Filho iniciou o combate contra Denis Kang mal. Depois de ficar por baixo durante quase todo primeiro assalto, o brasileiro voltou melhor no segundo round onde derrubou, passou a guarda e montou no canadense, mas não conseguiu espaços para finalizar ou trabalhar os socos por cima e ainda teve que se defender nos instantes finais, quando Kang conseguiu a reversão e ficou por cima. No terceiro assalto, novamente, Paulão levou a luta para o solo e, por cima, não conseguiu trabalhar no ground and pound. Nas papeladas dos juízes Evan Bzadough marcou 29×28 para Paulão, Brett Hinde anotou 30×27 para Kang e Charlie Keech viu 29×29. Sendo decretado o empate.

 

Murilo Bustamante é superado por Jesse Taylor

De volta aos combates de MMA após três anos afastado, Murilo Bustamante, foi superado por Jesse Taylor. No primeiro round, o duelo foi equilibrado onde o americano conseguiu a queda, mas o faixa-preta brazuca conseguiu a reversão algumas vezes. No segundo round, por baixo, Murilo acabou castigado e superado por nocaute técnico.

 

O único brasileiro que não teve sua luta no card preliminar, Glover Teixeira comprovou sua ótima fase e derrotou Mark Peseli por nocaute técnico com 2min50s de luta. Confira os demais resultados:

 

Pedro Rizzo derrotou Ken Shamrock por nocaute técnico aos 3min33s do R1;

– Paul Daley finalizou Daniel Acácio a 1min15s do R3;

– Soa Palelei derrotou Brad Morris a 4min20s do R1;

Paulão Filho empatou com Denis Kang;

Murilo “Ninja” Rua finalizou Jeremy May com uma guilhotina a 4min12s do R1;

– Jesse Taylor derrotou Murilo Bustamante por nocaute técnico a 2min10s do R2;

– Jim York finalizou Peter Graham com um mata-leão a 3min44s do R1;

Glover Teixeira derrotou Marko Peseli por nocaute técnico a 2min55s do R2;

– Richie Vaculik finalizou Glenn Taylor-Smith com um mata-leão a 4min16s do R2;

– Manuel Rodriguez finalizou Shane Nix com um estrangulamento a 4min22s do R1.

Deixe seu comentário