Aldo cogita subir de categoria e critica Sonnen

José Aldo é o atual campeão peso pena do UFC - Foto: Divulgação

O manauara José Aldo fez história na categoria peso pena do extinto WEC. O lutador defendeu por duas vezes consecutivas seu cinturão do evento, além de conquistar o prêmio de melhor nocaute da noite em duas oportunidades. Agora no UFC, o campeão busca ampliar seu domínio na categoria já planejando seu futuro na organização.

 

“Quero lutar três vezes este ano e manter meu cinturão dos penas para, posteriormente, subir para os pesos leves e me tornar campeão da categoria em 2012”, afirmou.

 

Aldo salientou ainda que vem tratando uma hérnia de disco desde seu confronto com o armeno Manny Gamburyan em setembro passado. A lesão causou o cancelamento de sua estreia no UFC diante do norte-americano Josh Grispi, porém não tirou do brasileiro sua motivação para estrear no maior evento de MMA da atualidade.

 

“Perdi 1 centímetro no braço direito devido aos formigamentos causados pela compressão dos discos de minha coluna. Pedi ao Dana White mais algum tempo para me recuperar e ele concordou em adiar minha estreia no UFC. Mas agora já estou ansioso para lutar”, disse Aldo.

 

Em relação as declarações de Chael Sonnen a respeito de Wanderlei Silva, onde o norte-americano afirmou que, se não fosse por ele, Wanderlei estaria vendendo churrasco de macaco nas ruas de Manaus, Aldo foi crítico em relação à postura adotada por Sonnen.

 

“Ele (Sonnen) é um palhaço que fala muita bobagem. Caso dissesse isso na frente de um amazonense estaria correndo sérios riscos”, garantiu Aldo.  

Deixe seu comentário