Dana White decreta aposentadoria de Wanderlei Silva

Com uma carreira marcada por grandes lutas, milhares de fãs e pela língua sempre afiada, Wanderlei Silva escreveu seu nome na história do MMA, sendo considerado um dos maiores nomes da modalidade no Brasil e no mundo. Mas após ser nocauteado em apenas 27 segundos por Chris Leben no UFC 132, a carreira do “Cachorro Louco” pode estar chegando ao fim.

Durante a coletiva de imprensa do evento, que foi realizado na madrugada de sábado (2) para domingo (3), em Las Vegas, o presidente do UFC, Dana White, afirmou que o lutador brasileiro deverá se aposentar.

“Definitivamente este deverá ser o fim da trajetória de Wanderlei Silva”, afirmou o cartola.

Em sua carreira como profissional, Wanderlei Silva acumulou 33 vitórias, 11 derrotas e um empate. No momento mais marcante de sua carreira, o atleta curitibano faturou o GP de Pride em 2003, e defendeu o reinado da organização japonesa na divisão de meio-pesados por seis anos.

Deixe seu comentário