Amanda sobe no octógono, aceita desafio de Shevechenko e provoca: “Eu sei como te vencer”

Amanda e Shevchenko já se enfrentaram em março de 2016, quando a brasileira venceu por decisão unânime dos juízes

Shevchenko (esq) e Amanda (dir) se provocaram no octógono após o UFC Denver. (Foto: Getty Images)

Shevchenko (esq) e Amanda (dir) se provocaram no octógono. (Foto: Getty Images)

Número 1 do ranking, Valentina Shevchenko conquistou a chance enfrentar a campeã peso galo feminino Amanda Nunes ao finalizar Julianna Peña na luta principal do UFC Denver, realizado neste sábado (29), nos Estados Unidos. Após o duelo, a brasileira, que estava presente na arena Pepsi Center, subiu no octógono logo após o combate, aceitou desafio feito pela ucraniana radicada no Peru e iniciou uma breve discussão com a próxima rival.

Veja Também

Shevchenko finalizou Peña e será a próxima desafiante da campeã Amanda. (Foto: Getty Images)
UFC Denver: Shevchenko finaliza Peña e será a próxima desafiante de Amanda Nunes
Em duelo morno, Assunção (esq) superou Sterling (dir) por pontos. (Foto: Getty Images)
UFC Denver: Raphael Assunção comanda vitórias brasileiras no card preliminar
francis-ngannou-x-andrei-arlovski
Vídeo: Assista o nocaute espetacular de Francis Ngannou sobre Andrei Arlovski

“Eu disse que seria assim. Muita gente me perguntou como eu lutaria contra uma wrestler forte como Julianna Peña. Eu disse que sou uma lutadora completa. Estava muito focada nesta luta, e foi incrível o que consegui hoje. Estou certa de que a minha próxima luta será pelo cinturão contra você”, desafiou Valentina.

Amanda, com o semblante tranquilo, respondeu relembrando o primeiro duelo entre elas, realizado em março de 2016, quando a brasileira venceu por decisão unânime dos juízes. “Pode ter certeza que se nos enfrentarmos novamente, eu vou finalizar a luta. Eu sei como te vencer, e se nos enfrentarmos novamente, não vencerei por pontos”, disse a campeã, que foi prontamente rebatida pela rival.

“Na minha terra dizem para sempre se ter cuidado com o que se deseja aos outros, porque isso pode voltar para você”, encerrou Shevchenko.

Aos 28 anos, Shevchenko soma três vitórias e apenas uma derrota no Ultimate, justamente contra sua próxima oponente. Amanda Nunes, por sua vez, soma sete triunfos e um revés, e é a campeã da divisão desde julho de 2016, quando finalizou Miesha Tate no UFC 200. Ela defendeu seu cinturão pela primeira vez ao nocautear Ronda Rousey no UFC 207, em dezembro passado.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário