Ricardo Demente se aposenta após novo caso de doping

Brasileiro revelou ter caído no teste antidoping por conta de remédios que utilizou no tratamento de depressão

R. Demente participou do TUF Brasil 3 (FOTO: Luiz Pires Dias/Getty Images)

R. Demente participou do TUF Brasil 3 (FOTO: Luiz Pires Dias/Getty Images)

Após ser pego novamente em teste antidoping enquanto já cumpria suspensão por infração similar, o brasileiro Ricardo “Demente” Abreu anunciou sua aposentadoria do MMA. O ex-atleta revelou estar sofrendo de depressão e, por isso, tem utilizado remédios que contêm substâncias proibidas.

Veja Também

Amanda explicou o pedido de desculpas para Ronda. (Foto: Getty Images)
Amanda explica desculpas a Ronda: “Eu era a campeã e não tinha o crédito”
'Bate-Estaca' enfrenta Hill de olho no cinturão dos palhas. (Foto: Getty Images)
De olho no cinturão, ‘Bate-Estaca’ é a maior favorita do UFC Houston
D. Maia quer disputar o cinturão dos meio-médios em 2017. (Foto: Getty Images)
Demian desabafa sobre cinturão: “Não há nada que eu queira mais”

“Eu estou me aposentando do esporte. Estou fazendo isso só agora, porque só agora estou tendo condições de analisar friamente a situação. Desde o começo, nunca escondi nada de ninguém e nunca fiz nada para trapacear. Não falei que estava tomando suplemento contaminado, não inventei desculpa pra nada e fiz o que tinha que fazer para poder me recuperar de um problema de saúde diagnosticado no final de 2015. Depois de receber a suspensão, fui testado novamente pela USADA, ainda no ano passado, e o resultado só saiu agora. Obviamente as substâncias ainda estão no meu corpo, porque há resíduos. E não posso continuar meu tratamento por conta disso. Então, como não tenho a intenção de voltar a lutar MMA, estou aqui oficializando a minha aposentadoria”, comentou “Demente” em entrevista ao site do canal Combate.

O brasileiro deixa o MMA com apenas seis lutas – cinco vitórias e uma derrota. Oriundo do jiu-jitsu, onde ganhou vários campeonatos em diversas faixas, “Demente” chegou ao UFC através do TUF Brasil 3. Durante o reality show, ele representou o time de Wanderlei Silva e chegou às semifinais,vencendo Guilherme Bomba e perdendo para Márcio Lyoto. Já no Ultimate, o brasileiro teve uma vitória, contra Wagnão Silva, e uma derrota, diante de Jake Collier, em sua última luta.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário