Técnico aposta em aposentadoria de Ronda: ‘Ela não quer voltar’

Justin Flores revela que Ronda deve se dedicar a vida pessoal e a futuros filhos com o noivo Travis Browne

Técnico não aposta em retorno de Ronda ao UFC. Foto: Josh Hedges

Técnico não aposta em retorno de Ronda ao UFC. Foto: Josh Hedges

Os rumores sobre a aposentadoria de Ronda Rousey crescem a cada dia. Depois de Dana White revelar que não acredita no retorno da loira ao octógono, agora é a vez de Justin Flores,  técnico da lutadora, apostar no futuro de Rousey longe das competições.

Para o treinador, Ronda não estaria disposta a passar por todo o sacrifício que envolve a preparação para um combate no UFC.

Veja Também

Eldarov (foto) venceu o brasileiro Henrique Rasputin no Brave FC 6. Foto: Divulgação/Brave
Brasileiro Henrique Rasputin é derrotado no Brave 6
Hamill (foto) venceu na luta principal do Fight2Night 2. Foto: Josh Hedges
Matt Hamill vence Luiz Banha em apenas 38 seg. do Fight2Night 2

“Não acho que é o que ela quer neste momento da vida, mas não descarto nada. Pessoalmente, eu apoiaria ela, mas apenas não acho que seja o que ela quer neste momento da vida dela. Não vejo isso sendo algo que ela queira entrar e focar com força total para ser a melhor. Porque se ela for fazer qualquer coisa, pelo que conheço dela, ela vai fazer para ser a melhor”, declarou, em entrevista ao ‘Submission Radio’.

Segundo Flores, a ex-campeã dos galos deve se dedicar a carreira no cinema e a vida pessoal com o agora noivo Travis Browne e criação de filhos.

“Ela competiu a vida toda. A vida inteira dela foi sobre ser a melhor e acho, particularmente, que a melhor coisa para ela ficar bem com ela mesma é não ser como lutadora. Eu a amo muito. Sei a dor que ela passou fisicamente, fazendo isso sempre, múltiplas cirurgias, concussões, ossos quebrados, corte de peso. Todas estas coisas vão se acumulando. Ela tem 30 anos agora e faz isso desde os 8 anos sem parar. Com a quilometragem que você coloca no seu corpo e que ela colocou no corpo dela, não acho que ela queira fazer isso. Acho que ela vai viver uma vida longa e feliz e criar as crianças com Travis, que sei que esse é o futuro dela e não acho que (voltar a lutar) seja algo que eu sinta que estaria em seus interesses “, concluiu.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário