Hangout SUPER LUTAS analisa queda de Aldo no UFC 212

A partir das 20h00, equipe do SUPER LUTAS discute, ao vivo, as vitórias de Holloway, Gadelha, Belfort e muito mais

Primeiro evento do Ultimate no Rio de Janeiro desde agosto de 2015, o UFC 212 terminou de forma amarga para os fãs brasileiros. A derrota por nocaute de José Aldo para Max Holloway na luta principal significou que o Brasil voltou a ter apenas um cinturão do evento, em posse da peso galo Amanda Nunes. A baiana defende seu trono no próximo evento numerado, o UFC 213, em 8 de julho.

Veja Também

Holloway nocauteou Aldo e conquistou o cinturão linear (Foto: Facebook /UFC)
UFC 212: Holloway vence Aldo, cala a Arena do Rio e conquista cinturão dos penas
M. Holloway levou mais US$ 50 mil para casa Foto: (Reprodução/Twitter ufc_brasil)
Aldo e Holloway ganham bônus de Luta da Noite no UFC 212
M. Holloway nocauteou J. Aldo no UFC 212 (Foto: Reprodução/Facebook UFCBrasil)
Vídeo: Assista como Max Holloway destronou José Aldo no UFC 212
V. Belfort voltou a vencer (Foto: Reprodução/ Twitter UFC Brasil)
Belfort vence Marquardt e afasta aposentadoria: ‘Mais cinco lutas’

Na atração principal do UFC 212, Aldo até que começou bem e chegou a atordoar Holloway em mais de uma oportunidade durante o primeiro round. O havaiano foi crescendo com o decorrer da luta e, no terceiro assalto, soltou um golpe certeiro no queixo do brasileiro. “Scarface” foi guerreiro, resistiu até aonde pôde, mas acabou sendo nocauteado.

Na segunda luta mais importante da noite, porém, o Brasil passeou. Número um do ranking peso palha, Cláudia Gadelha mostrou que é realmente uma das maiores lutadoras do universo ao dominar Karolina Kowalkiewicz, segunda colocada na pontuação até 52 kg. Com um plano de jogo perfeito, Claudinha foi superior em pé, colocou Karolina para baixo e logo a finalizou – isso tudo no primeiro assalto.

O UFC 212 ainda teve a volta de Vitor Belfort à coluna das vitórias. Com uma performance aguerrida, o ex-campeão meio-pesado superou dificuldades no primeiro assalto, quando ficou um bom tempo de costas para o chão, para chegar à vitória por decisão unânime diante de Nate Marquardt. Foi o primeiro triunfo na mão dos juízes laterais para o Fenômeno desde 2007.

Esses e outros combates serão assunto do Hangout SUPER LUTAS. A partir de 20h00h (horário de Brasília), a equipe do site se reunirá para analisar as principais lutas do show e seus possíveis desdobramentos. Não perca!

Aldo (dir) não resistiu a Holloway (esq) (Foto: Inovafoto)

Aldo (dir) não resistiu a Holloway (esq) (Foto: Inovafoto)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário