Evans elogia Jones, mas diz não ter feito um bom trabalho

O ex-campeão Rashad Evans afirmou, durante a promoção do combate, que conhecia  o jogo de Jon Jones e que iria derrotar seu ex-companheiro de equipe no UFC 145, evento realizado na noite deste sábado (21). Mas o que se viu no octógono, montado na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, foi um controle absoluto de Jones, que defendeu o cinturão dos meio-pesados do Ultimate, na decisão unânime dos juízes, sem dar chances para o desafiante.

VEJA TAMBÉM:  Jones domina Rashad e defende cinturão dos meio-pesados

Logo após o combate, na coletiva de imprensa do evento, Rashad não escondeu a decepção por sua apresentação e afirmou não aproveitou as oportunidades que teve na luta.

“Eu não acho que fiz um bom trabalho, não fiz o que eu deveria ser feito. Eu poderia ter aproveitado a situação em alguns momentos, mas não o fiz”, afirmou Evans, que logo em seguida elogiou o campeão.

LEIA MAIS: Dan Henderson será o próximo desafiante de Jon Jones

“Ele é muito esperto, cheio de truques.  Jones foi muito criativo”, disse. “O que mais atrapalhou foram as cotoveladas, eu acho que fiz o jogo errado”, completou o lutador.

Apesar do revés, Rashad Evans, que tem apenas duas derrotas entre os meio-pesados, afirmou que não pretende descer para os pesos médios e seu objetivo ainda é o cinturão dos meio-pesados

‘Eu só perdi duas vezes e perdi para os melhores. Quero voltar, lutar e ter outra chance pelo título”, encerrou.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments