Jones explica por que torceu por Poirier no UFC 242: ‘Não gosto dos parceiros de Cormier’

Campeão dos meio-pesados quis vitória de compatriota no duelo contra Khabib pelo fato de russo integrar equipe de eterno rival

J. Jones em coletiva após o UFC 239. Foto: Reprodução/YouTube UFC

Antes do embate entre Dustin Poirier e Khabib Nurmagomedov, realizado neste sábado (7), em Abu Dhabi, válido pela unificação do título dos leves (até 70,3kg.), Jon Jones havia declarado sua torcida para norte-americano. O motivo, segundo ‘Bones’, se dá pelo fato do russo ser parceiro de treinos de Daniel Cormier, seu eterno rival. Jones comentou sobre a fala em entrevista recente ao ‘MMA Junkie’. No combate, Khabib bateu Poirier por finalização no terceiro round.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Estou torcendo pelo Poirier por sermos parceiros de negócios. Nós trabalhamos juntos e, francamente, eu não gosto dos parceiros de treino de Daniel Cormier (Khabib e Daniel integram a equipe AKA – American Kickboxing Academy). Então, estou torcendo por Poirier”, disse Jon antes do duelo.

Jones e DC construíram, ao longo dos anos, uma das maiores rivalidades da história do MMA. Os atletas já se enfrentaram em duas ocasiões, ambas válidas pelo cinturão dos meio-pesados (até 93kg.). No primeiro encontro, em 2015, ‘Bones’ bateu o rival na decisão unânime dos juízes. Na segunda peleja, Jon voltou a vencer, desta vez por nocaute, mas o resultado do embate foi posteriormente alterado para ‘no contest’, após Jones ter sido flagrado em um exame antidoping.

PUBLICIDADE:

Embora a torcida tenha sido publicamente declarada para o norte-americano, Jones afirmou que está ciente das qualidades indiscutíveis de Khabib, a quem elogiou. Além disso, o campeão meio-médio (até 93kg.) disse, também, que, se tivesse que apostar dinheiro, colocaria suas fichas no russo, mesmo não carregando empatia pela ‘Águia’.

“Khabib é um wrestler. Eu sou um wrestlers e, geralmente, wrestlers conseguem ditar onde a luta vai se desenrolar. Se eu tivesse que apostar dinheiro, eu me colocaria do lado de Khabib, mas eu espero que Poirier vença.

PUBLICIDADE:

Após bater Dustin, Khabib fez uma declaração que envolvia indiretamente ‘Bones’. Na coletiva após o evento, o russo pediu ao Ultimate que fosse mais valorizado e o colocassem em primeiro lugar no ranking peso por peso entre os todos os atletas da companhia, que hoje tem Jon em primeiro, lugar que ocupou após o revés de Daniel para Stipe Miocic no último mês, que rendeu ao atleta a perda do cinturão dos pesados (até 120,2kg.).

PUBLICIDADE:

Atualmente, Nurmagomedov é o segundo colocado. O russo declarou que sua invencibilidade na carreira, que, neste sábado, foi aumentada para 28 duelos, e hegemonia no esporte são dignos de figurar como o melhor do UFC.

A atualização do ranking deve acontecer durante esta semana.

 

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano



Comentários

Deixe um comentário