Gaethje fatura bônus de ‘Luta’ e ‘Performance da Noite’ após show no UFC 249

Norte-americano fatura US$100 mil depois de grande apresentação no card deste sábado; Francis Ngannou também ganhar prêmio por atuação

J. Gaethje recebe bônus de ‘Luta’ e ‘Performance da Noite’ após UFC 249. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

O norte-americano Justin Gaethje tem muitos motivos para sorrir após o UFC 249. Depois de desbancar o temido Tony Ferguson e conquistar o cinturão interino dos leves (até 70,3kg.) neste sábado (9), em Jacksonville (EUA), o atleta ainda faturou US$ 100 mil (cerca de R$570 mil) ao conquistar os bônus de ‘Performance’ e ‘Luta da Noite’. Francis Ngannou também recebeu US$50 mil por sua atuação contra Jairzinho Rozenstruik. A informação foi divulgada por Dana White, em coletiva depois do espetáculo.

Veja Também

VÍDEO: Assista o nocaute de Justin Gaethje sobre Tony Ferguson no UFC 249
Khabib parabeniza Gaethje após vitória no UFC 249: ‘Luta inteligente’
Justin Gaethje vence Tony Ferguson e conquista cinturão interino dos leves no UFC 249

Quando aceitou substituir Khabib Nurmagomedov no confronto contra Ferguson, Justin sabia das dificuldades que encontraria no confronto. O atleta, no entanto, não tomou conhecimento do oponente e dominou o ‘Bicho-Papão’ por quase cinco rounds, até conquistar o nocaute na etapa final. A atuação segura do norte-americano encheu os olhos da diretoria da empresa, o que resultou na premiação após o evento.

Mesmo derrotado, Ferguson não deixará Jacksonville de bolso vazio. Assim como o rival deste final de semana, o atleta receberá os US$50 mil (aproximadamente R$286,5 mil) resultantes do bônus de ‘Luta da Noite’.

Outro atleta que comemora mais um bônus de performance é Francis Ngannou. O atleta, que retornou ao octógono quase um ano depois da vitória sobre Júnior Cigano, voltou a impressionar por sua força física ao decretar um nocaute brutal sobre o, até então, invicto Jairzinho Rozenstruik. Os combatentes travaram um confronto que gerou muita expectativa, pois se tratava de dois combatentes conhecidos pela força física e capacidade de ‘apagar’ seus adversários. O franco-camaronês também deixa a Flórida com US$50 mil.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments