Ryan Jimmo fatura bônus por nocaute em sete segundos

Ryan Jimmo comemora nocaute relâmpago sobre Anthony Perosh

O card preliminar do UFC 149, evento realizado na madrugada deste sábado (21), em Calgary, no Canadá, foi bastante movimentado. A maior prova disso é que duas das três premiações de bônus do evento saíram para atletas que fizeram as lutas de abertura do show.

LEIA MAISRenan Barão domina Faber e conquista cinturão dos pesos galos

O bônus de melhor nocaute da noite foi para Ryan Jimmo, que em apenas sete segundos nocauteou Anthony Perosh. O feito, que igualou o recorde de nocaute mais rápido do UFC, deu ao lutador canadense o prêmio de US$ 65 mil, cerca de R$ 131 mil.

O outro premio-extra do card preliminar foi para a melhor luta, onde os pesos galos Bryan Caraway e Mitch Gagnon travaram a melhor batalha da noite. No resultado oficial, Caraway finalizou Gagnon no terceiro round

O único bônus que não saiu no card preliminar foi logo na primeira luta do programa principal, e o norte-americano Matt Riddle embolsou o prêmio pelo katagame aplicado em Chris Clements.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário