Chris Weidman compara estilos de Israel Adesanya e Anderson Silva e dispara: ‘Luta fácil’

Ex-campeão do peso médio acredita possui as ferramentas necessárias para tirar a invencibilidade do atual número um da categoria

C. Weidman afirma ser o pior adversário para I. Adesanya. Foto: Reprodução/Instagram

O difícil triunfo sobre Omari Akhmedov fez Chris Weidman se reencontrar com as vitórias e foi suficiente para o norte-americano mirar o ponto mais alto do peso médio (83,9kg). Mesmo sem impressionar contra o russo, o ex-campeão da categoria readquiriu a confiança, não esqueceu seus tempos de glória e deseja enfrentar Israel Adesanya.

Ao canal de Chael Sonnen, no Youtube, ‘The All-American’ afirmou ser o lutador perfeito para destronar o atual número um dos médios e tirar sua invencibilidade, citando o wrestling como ponto determinante em um possível duelo e a luta contra Anderson Silva como exemplo.

Veja Também

Após acusar Borrachinha de doping, Adesanya se defende da mesma suspeita: ‘Não preciso disso’
Jon Jones não perdoa derrota de Dominick Reyes e dispara: ‘Achou que era rei e não foi humilde’
Mayweather pede mais de R$1,5 bi para enfrentar McGregor ou Khabib; veja o que se pode comprar com a fortuna

“Posso vencer Adesanya, com certeza! Acho que é uma luta feita sob medida para mim. Será igual a minha luta contra Anderson. Provei que posso vencer esses trocadores atléticos, altos e magros. Tenho o wrestling do meu lado, pressiono e meus golpes são pesados. A pressão contínua é a receita para vencer esse tipo de atleta. Provei isso contra Anderson duas vezes e Hall. Strikers como eles estão em apuros contra mim”, disse Weidman.

O ex-campeão acredita ser diferente dos adversários que Adesanya enfrentou e seguiu enaltecendo sua qualidade no wrestling.

“É uma luta emocionante a se fazer. Se olharmos o ranking, não há tantas lutas que vão empolgar as pessoas. Eu e Adesanya possuímos uma narrativa que pode funcionar e o que apresento é um perigo para ele. Não é besteira, são apenas fatos. Se você gosta de MMA e, realmente, entende o esporte, sabe que eu apresento sérios problemas para Adesanya. Mais do que qualquer um que ele enfrentou. Ele não enfrentou wreslers aclamados, além de Romero, que não usa o wrestling. Sou o adversário que irá pressionar, derrubar e controlar no chão. Adesanya será meu boneco de pano!”, finalizou.

Antes de vencer Omari Akhmedov, Chris Weidman havia sido derrotado quatro vezes nas últimas cinco lutas. O ex-campeão do peso médio foi nocauteado por Luke Rockhold, Yoel Romero, Gegard Mousasi, Ronaldo Jacaré e Dominick Reyes e, nesse tempo, o único que superou foi Kelvin Gastelum.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Douglas Bueno
Douglas Bueno
25 dias atrás

Estilos fazem Lutas o Wrestling ofensivo,pressão constante seria um pesadelo para Adesanya.

Mas creio que Weidman já não está no seu auge,mas seria um combate magnífico.