Vídeo: Após derrotar Anderson Silva, Uriah Hall não contém emoção, chora e mostra total respeito à lenda

Jamaicano presta homenagem ao brasileiro ainda no octógono e chega a se desculpar por nocaute brutal aplicado ao ex-campeão

U. Hall mostra total respeito a A. Silva após bater o brasileiro no UFC Las Vegas 12. Foto: Reprodução/InstagramFoto: Reprodução/Instagram

Vencendo ou não, Anderson Silva merece o respeito de todos e Uriah Hall sabe bem. Depois de nocautear o brasileiro na luta principal do UFC Las Vegas 12, realizado neste sábado (31), o jamaicano não conteve a emoção e chorou copiosamente diante de uma das maiores lendas do MMA. O jamaicano chegou a se desculpar com o ex-campeão dos médios (até 83,9kg.), que fez sua despedida do Ultimate.

Veja Também

Uriah Hall estraga festa brasileira e vence Anderson Silva por nocaute no UFC Las Vegas 12
VIDEO: Assista o nocaute sofrido por Anderson SIlva no UFC Vegas 12
Thiago Moisés supera Bobby Green por pontos em luta equilibrada, no UFC Las Vegas 12
Nocautes brutais marcam o card preliminar do UFC Las Vegas 12

Havia toda uma comoção na apresentação de Anderson, pois o duelo foi promovido como o momento em que o atleta de 45 anos se despediria da empresa em que viveu seus melhores anos. ‘Spider’, como é conhecido, foi o responsável pelo reinado mais longo da história da organização, ostentando o cinturão dos médios entre 2006 a 2013.

Durante a semana da luta, Hall não escondeu sua admiração pelo brasileiro. Após vencer Silva, Uriah deixou o papel de atleta e, fazendo todas as reverências que julgou necessárias, encarnou a condição de fã, que teve a oportunidade de trocar forças com seu ídolo.

Neste final de semana, Silva atingiu a marca de 46 apresentações como profissionais nas artes marciais mistas. O brasileiro, agora, soma 34 triunfos, 11 reveses e uma luta sem resultado.

Depois do espetáculo, ‘Spider’ confirmou seu adeus ao UFC, mas não cravou se seguirá se apresentando profissionalmente.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Muito respeito! O fã venceu o ídolo #UFCVegas12

Uma publicação compartilhada por UFC Brasil (@ufc_brasil) em

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

1 Comentário
Inline Feedbacks
View all comments
Mario Oliveira
Mario Oliveira
25 dias atrás

Foi um farsante, mal carater, ganhou eqto era permitido o doping, adversarios forjados,,,Tudo isso arquitetado pelo Minotauro e o UFC que criou falsos campeões (aldo, cigano, belford, etc) para entrar no Brasil, depois de se solidificar tiveram deblutar de verdade e esse é o resultado…tomar cacete atras de cacete