Kayla Harrison brutaliza Mariana Morais e consegue nocaute no primeiro round da PFL 3 | SUPER LUTAS

Kayla Harrison brutaliza Mariana Morais e consegue nocaute no primeiro round da PFL 3

Implacável, norte-americana apostou no ground and pound para vencer brasileira na segunda luta mais importante da PFL 3

K. Harrison derrota M. Morais na PFL 3. Foto: Reprodução/Instagram

Considerada um dos maiores eventos fora do Ultimate, Kayla Harrison não deu chances para Mariana Morais. Em combate válido pelo peso leve (até 70,3kg.), a norte-americana brutalizou a brasileira do início ao fim e nocauteou ainda no primeiro round. O duelo foi o segundo mais importante da PFL 3 desta quinta-feira (6).

Veja Também

Harrison Harrison, de 30 anos, tem um ‘cartel perfeito’ no MMA. Profissional desde 2018, são nove vitórias seguidas em sua carreira.

Aos 26, Mariana Morais sofre sua décima derrota como profissional. Ela também tem 16 triunfos.

A LUTA

Assim que começou o combate, Kayla Harrison encurtou a distância e foi ao clinche, conseguindo a queda com facilidade.

Por cima, ela passou a guarda até a montada e brutalizou Mariana Moraes com duros golpes no ground and pound. A norte-americana seguiu golpeando até a interrupção do árbitro central.

Larissa Pacheco brutaliza Julija Padic e vence no primeiro round

Brutal! No primeiro combate do card principal, Larissa Pacheco não mediu forças e nocauteou Julija Padic no primeiro round. A paraense, que é ex-desafiante ao cinturão dos leves (até 70,3kg.) da PFL, tirou a invencibilidade de sua rival e conquista seis pontos no ranking da divisão.

Em início arrasador, Larissa conectou uma combinação de golpes logo nos segundos iniciais e derruboi Julija. Por cima, a brasileira ainda trabalhou no ground and pound até a interrupção do árbitro do combate.

Com a vitória, Larissa Pacheco agora tem um cartel de 14 triunfos e quatro reveses. Ela se recuperou do resultado negativo contra Kayla Harrison, em dezembro de 2019.

Por outro lado, Julija Pajic havia chegado na PFL invicta em três lutas. Agora, são três vitórias e uma derrota na carreira.

Sob o olhar de Kamaru, Mohammed Usman é apagado em sua estreia

Em duelo de pesados (até 120,2kg.), Mohammed Usman, primo do campeão Kamaru, sofreu dura derrota em sua estreia na PFL. O nigeriano, de 32 anos, apagou no decágono após sofrer um mata-leão de Brandon Sayles.

No primeiro round, Mohammed Usman sofreu dificuldades para entrar no raio de ação de Brandon Sayles. O nigeriano tentava encurtar a distância, mas sofria duros cruzados. Na metade do assalto, ele recebeu outro soco, mas conseguiu ‘dar o troco’ no contragolpe.

Na volta, Usman conectou um direto no rosto de Sayles e partiu para cima. Por outro lado, o norte-americano aguentou a pressão e respondeu com uma bomba que derrubou o nigeriano. Ele ainda tentou encaixar a guilhotina, mas Mohammed resistiu. Brandon desistiu da posição e voltou em pé, mas logo acertou outro duro golpe que voltou a ‘deitar’ seu adversário. Em vantagem, ele investiu no mata-leão e apagou o irmão de Kamaru Usman.

Desta forma, Brandon Sayles faz seis pontos na categoria dos pesados. Em sua carreira, são seis vitórias e uma derrota. Mohammed Usman, no entanto, atualiza seu cartel para sete triunfos e dois reveses na carreira.

Resultados da PFL 2021 #3

CARD PRINCIPAL

Peso pesado: Renan Problema derrotou Fabrício Werdum por nocaute a 2m32s do primeiro round

Peso leve: Kayla Harrison derrotou Mariana Morais por nocaute técnico a 1m23s no R1

Peso pesado: Brandon Sayles finalizou Mohammed Usman com um mata-leão a 3m42s  do R2

Peso leve: Larissa Pacheco derrotou Julija Pajic por nocaute a 51 seg. do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pesado:  Bruno Cappelozza derrotou Ante Delija por nocaute a 46seg. do R1

Peso leve: Kaitlin Young derrotou Cindy Dandois na decisão unânime dos juízes (30-27,  30-27, 30-27)

Peso leve: Genah Fabian derrotou Laura Sanchez na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso pesado: Denis Goltsov derrotou Muhammed Dereese por nocaute técnico a 4m21s do R1

Peso leve: Taylor Guardado derrotou Helena Kolesnyk na decisão unânime dos juízes (30-26, 29-27, 30-26)

Peso meio-médio: Magomed Umalatov derrotou Kyron Bowen por nocaute técnico a 7 seg. do R2

Romero dominado no Bellator e aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments