Jéssica Andrade é a primeira brasileira a lutar no UFC

Brasileira enfrentará a ex-desafiante Liz Carmouche no UFC On FOX 8

Jéssica Andrade tem na guilhotina uma de suas principais armas. Foto: Divulgação PRVT

Jéssica Andrade tem na guilhotina uma de suas principais armas. Foto: Divulgação PRVT

A primeira lutadora brasileira contratada pelo UFC foi Amanda Nunes, mas ela não será a primeira a pisar no octógono mais famoso do mundo. Nesta sexta-feira, Jéssica “Bate Estaca” Andrade foi anunciada como substituta de Miesha Tate na luta contra Liz Carmouche.

O combate está marcado para o UFC On FOX 8, que será disputado no dia 27 de julho, em Seattle. A disputa entre Jéssica e Liz acontece no card principal, o que representará a primeira luta feminina transmitida pela maior plataforma de exibição do UFC, o canal FOX. As meninas dividirão o card principal com a disputa do cinturão dos moscas entre Demetrious Johnson e John Moraga e com os importantes duelos entre os tops da categoria meio-médio Rory MacDonald diante Jake Ellenberger e Robbie Lawler contra Tarec Saffiedine.

Com apenas 21 anos, Jéssica é atleta da equipe PRVT, liderada por Gilliard Paraná. Ela é a segunda lutadora mais jovem do plantel atual do UFC, sendo apenas três meses mais velha do que Max Holloway. Com cartel de 9-2, Jéssica venceu a ex-campeã de boxe Duda Yankovich e conquistou todas as suas vitórias por interrupção (quatro nocautes e cinco finalizações, quatro delas com guilhotina).

A adversária da brasileira disputou a primeira luta feminina da história do UFC. Carmouche quase finalizou a campeã Ronda Rousey com um mata-leão, mas acabou virando estatística ao sucumbir a mais uma chave de braço no primeiro round da adversária.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments