Depois de segunda derrota consecutiva no UFC, Borrachinha confirma desejo de lutar em dezembro

Batido por Marvin Vettori UFC Las Vegas 41, brasileiro reforça vontade de dar a volta por cima e pede confronto ainda em 2021

P. Borrachinha planeja retorno ao octógono ainda em 2021. Foto: Reprodução/Instagram

Derrotado por Marvin Vettori na luta principal do UFC Las Vegas 41, Paulo Borrachinha já pensa na volta por cima. Na coletiva depois do confronto deste sábado (23), o brasileiro confirmou o desejo de retornar ao octógono ainda em 2021. O atleta aproveitou para explicar por que não vem se apresentando com frequência.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu quero lutar em dezembro deste ano ainda. O pessoal tem que entender o seguinte: eu fiz duas cirurgias no meu braço esquerdo em 2019 e isso requer muito tempo de fisioterapia para voltarem todos os movimentos, porque tem uma série de sequelas. Todo esse tempo, estou trabalhando para recuperar a forma perfeita do braço esquerdo. A gente estamos muito perto de concluir esse trabalho e, aí assim, vamos voltar a ter sequência de lutas”, declarou.

Neste fim de semana, Paulo retornou ao octógono após mais de 12 meses de inatividade. A última apresentação do atleta havia sido em setembro de 2020, quando foi batido por Israel Adesanya na disputa do cinturão dos médios (até 83,9kg.).

PUBLICIDADE:

Embora tenha informado o desejo de atuar ainda na atual temporada, o brasileiro não sugeriu um possível oponente. Mais cedo, na mesma coletiva, o presidente do UFC, Dana White, chegou a cravar que o mineiro não retornaria aos médios, depois de falhar no corte de peso para o espetáculo deste fim de semana.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?