Ivan Batman finaliza Lúcio Curado e conquista cinturão do Jungle Fight

Companheiro de treinos de Thiago Tavares, logo encurtou a distância e encaixar um mata-leão para ficar com o título

Batman finaliza Curado no Jungle Fight 54. Foto: Fernando Azevedo

Batman finaliza Curado no Jungle Fight 54. Foto: Fernando Azevedo

O Jungle Fight tem um novo campeão entre os pesos leves. O carioca, radicado em Santa Catarina, Ivan Batman não tomou conhecimento Lúcio Curado e finalizou o antigo detentor do título para tomar o cinturão da divisão de até 70 kg. O combate foi a atração principal do Jungle Fight 54, evento realizado, neste sábado (29), em Barra do Piraí, interior do Rio de Janeiro.

A luta

Conhecido pelo jogo de solo, Ivan Batman não quis se arriscar na trocação diante de Curado. Assim que o combate teve início, o companheiro de treinos de Thiago Tavares logo encurtou a distância para levar a disputa para o solo.

Depois de cair por cima, Batman mostrou toda sua habilidade no jiu-jitsu.  Ivan acertou alguns socos em Curado, que tentou explodir para se levantar. Mas o carioca aproveitou o momento e chegou as costas do rival para finalizar com um mata-leão, em pouco mais de dois minutos de combate.

“É muita dedicação, muito treino. Tenho que agradecer à toda equipe do Team Tavares/Ataque Duplo. Esse cinturão não é só meu, é de cada um que está ao meu lado”, disse Batman, que não segurou as lágrimas pela vitória.

Mulheres fazem disputa equilibrada

Na segunda luta mais importante da noite, as mulheres subiram no octógono e travaram um duelo equilibrado. De um lado Érica Paes, única lutadora a derrotar Cris Cyborg no MMA. Do outro, a invicta Bethe Correia.

Bethe começou melhor, controlando o centro do octógono com muita movimentação. Mas Érica mostrou porque finalizou Cyborg, considerada a maior lutador de MMA do mundo. Depois de levar a disputa para solo, Érica esteve perto de vencer a luta em duas oportunidades. Ela conseguiu encaixar uma guilhotina e uma chave de braço no minuto final, mas Bethe escapou da primeira e foi salva pelo gongo na segunda.

No segundo round, porém, vacinada contra o jogo de solo, Bethe trabalhou na média distância e evitava o risco de ser levada para o solo. A lutador entrava no raio de ação com muita velocidade. Já Érica demonstrava cansaço e não conseguia responder aos ataques da rival. A história se repetiu no assalto seguinte e Bethe Correia venceu Érica Paes na decisão unânime dos juízes (30×27, 29×28, 30×27).

Confira abaixo os resultados completos do Jungle Fight 54:

Ivan Batman finalizou Lúcio Curado com um mata-leão no R1;

Bethe Correia derrotou Érica Paes na decisão unânime dos juízes;

Ederson Lion finalizou Jackson Mora com um mata-leão no R2;

Guilherme Bomba finalizou Elizeu Capoeira com um mata-leão no R2;

Murilo Filho derrotou Nelsinho Junior por nocaute técnico no R1;

Thiago Manchinha derrotou Lucas Cangaceiro na decisão unânime dos juízes;

Alexandre Capitão finalizou Leandro “7 Bala” com um estrangulamento no R1;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments