CEO da PFL, Peter Murray confirma negociação para contratar Jake Paul

Após bom início de carreira no boxe, o youtuber já manifestou em algumas oportunidades sua intenção de se aventurar no MMA

J. Paul após vitória sobre T. Woodley no super desafio de boxe. Foto: Reprodução/Instagram

As recentes declarações de Jake Paul manifestando interesse em se aventurar no MMA chamaram a atenção da PFL, uma das principais organizações de artes marciais mistas do mundo.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Após o “Sports Business” revelar que a PFL estava em etapa inicial de negociações com a equipe do youtuber, o CEO da organização confirmou o interesse.

Em entrevista concedida ao site norte-americano “MMA Junkie” na última quinta-feira (13), Peter Murray confirmou o contato com a equipe de Jake Paul e falou sobre o interesse no youtuber.

PUBLICIDADE:

“Escute, se qualquer grande atleta está considerando entrar no MMA, com certeza a PFL está na conversa. O objetivo da PFL é oferecer oportunidades aos lutadores e acesso aos fãs a grandes eventos. Jake certamente tem muitos seguidores pelo mundo. Ele tem um ponto de vista forte. Ele é um atleta real e se estabeleceu no boxe. Se ele está olhando para o MMA como essa próxima oportunidade em paralelo, talvez junto com o boxe, com certeza vamos ter uma conversa”, afirmou o líder da PFL.

Recentemente, Jake Paul se envolveu em uma grande polêmica com o presidente do UFC Dana White. O youtuber, que recentemente nocauteou o ex-campeão do Ultimate Tyron Woodley, se ofereceu para lutar no octógono do UFC caso Dana aceitasse uma lista de exigências relacionadas à melhoria nas condições de trabalho dos lutadores da organização.

PUBLICIDADE:

Peter Murray deixou claro que o fato de negociar com Jake Paul não significa que ele concorde integralmente com o “manifesto” do youtuber.

PUBLICIDADE:

“Não significa que a PFL apoie seu manifesto detalhado. Não é sobre isso. Estamos aqui para dar oportunidades aos lutadores e grandes eventos para os fãs. É simples”, finalizou Murray.

Podcast #47: Ngannou defende cinturão no UFC 270 e Dana White ‘some’ + Whindersson Nunes luta neste sábado