Nurmagomedov mantém desafio a BJ Penn, mas mira também em TJ Grant

Russo quer vencer a terceira "fora de casa" no UFC

Nurmagomedov provocou a torcida brasileira e agora desafia o canadense Grant no país do adversário

Nurmagomedov provocou a torcida brasileira e agora desafia o canadense Grant no país do adversário

O russo Khabib Nurmagomedov vem tomando a divisão dos leves de assalto. Invicto em 20 lutas no MMA profissional, quatro delas no UFC, o lutador declarara que gostaria de enfrentar BJ Penn. Agora ele está de olho num atalho para disputar o cinturão ao desafiar o canadense TJ Grant.

“Eu pedi por uma luta com BJ Penn, mas não tive resposta. Talvez eles (os dirigentes do UFC) tenham planos diferentes para mim. Eu queria lutar com alguém que eu assistia na TV quando era mais jovem. Ele é uma lenda. Se BJ não estiver disponível, eu adoraria lutar com Grant. Se ele pensa que é o próximo desafiante ao cinturão, deixe-o provar me vencendo no UFC 165, em seu país natal.”

Nurmagomedov já venceu alguns adversários lutando “fora de casa”. O russo veio ao Brasil encarar Thiago Tavares no UFC São Paulo. Chegou à pesagem com uma camisa provocativa (com os dizeres “Se Sambô fosse fácil se chamaria Jiu-jítsu”) e nocauteou o brasileiro em menos de dois minutos. Na última apresentação, Nurmagomedov foi aos Estados Unidos e não tomou conhecimento do norte-americano Abel Trujillo, no UFC 160. O russo tem ainda uma vitória sobre Gleison Tibau e outra contra o iraniano Kamal Shalorus.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments