Ronaldo Jacaré pretende encaixar nova carreira no Boxe

Recém-aposentado do MMA, faixa-preta de jiu-jitsu mira em estreia na nobre arte para seguir sua carreira no mundo das lutas aos 42 anos

Recentemente, o ex-lutador do UFC, famoso internacionalmente, Ronaldo Jacaré, lançou novas notícias para os seus fãs. Ronaldo Jacaré está aposentado desde 2020 do MMA, depois de ter deixado a companhia estadunidense, após uma dura sequência de derrotas. Aos 42 anos de idade, ele decidiu não ficar parado, e então começou a treinar de forma muito mais séria o boxe.

A partir daí, surgiu um convite que foi simplesmente irresistível para ele, que já estava com saudade de subir no ringue. Ronaldo Jacaré está sendo cotado como um boxeador de alto nível. Segundo o site norte-americano Sherdog, o lutador recentemente comentou que tem muita vontade de testar suas habilidades dentro do boxe.

PUBLICIDADE:

Na verdade, para quem não sabe, o boxe tem se tornado o caminho que muitos grandes nomes do MMA seguem quando se aposentam. Lutadores como Vitor Belfort e Anderson Silva são grandes exemplos disso, já que essas duas figuras tiveram excelente desempenho no ringue durante o ano de 2021.

PUBLICIDADE:

Ronaldo Jacaré sentiu falta da rotina de treinos

Depois dessa aposentadoria, Ronaldo afirmou que não conseguiu ficar longe da rotina que tinha durante seus treinos. Ele começou a fazer treinos de boxe de forma mais intensa, e logo estava recebendo propostas para lutar no esporte.

O convite foi muito bem-vindo, mas Jacaré ainda não pode mencionar o nome do evento no qual vai participar. Por outro lado, o atleta afirmou que já está treinando há um bom tempo e apesar de ter iniciado seu caminho nas artes marciais através do jiu-jitsu, ele sempre amou o boxe.

PUBLICIDADE:

O único detalhe aqui é que tudo ainda está em um momento de negociações. Como Ronaldo Jacaré ainda não fez assinatura de nenhum tipo de contrato, não é possível abrir o jogo sobre o evento no qual ele vai participar, e muito menos sobre qual será o seu adversário.

PUBLICIDADE:

Jacaré teve 18 anos de carreira dentro do MMA, registrando um total de 26 vitórias e 10 derrotas, além de ter conquistado o título concedido no Strikeforce. Resta agora esperar para ver como essa história vai se desenrolar nos próximos meses.

Boxe: o caminho após o MMA

Como você já deve ter percebido que dezenas de lutadores nacionais e internacionais acabam seguindo o caminho do boxe depois de deixarem o MMA. Mas o que isso realmente significa para o esporte?

De forma geral, o boxe é um esporte muito mais dinâmico, já que apenas um estilo de luta pode ser utilizado durante os combates. Diferentemente do MMA, onde as lutas podem ser muito mais ‘’paradas’’, principalmente quando vão para o chão.

Essa mudança pode ser muito benéfica para lutadores que estão querendo mudar um pouco, e testar suas habilidades em outras competições. Entretanto, isso não significa que o boxe seja um esporte inferior ao MMA, ou que ele seja mais fácil do que o MMA.

Pelo contrário, o boxe acaba sendo um esporte extremamente técnico, e não basta apenas ter ‘’um braço forte’’ para levar a melhor. Dessa forma, o boxe acaba sendo uma maneira dos lutadores aposentados conseguirem expressar melhor sua qualidade técnica e suas habilidades.

Podcast #63: Blachowicz merece enfrentar Glover pelo cinturão do UFC? Lyoto perde no Bellator e se complica