Islam Makhachev destaca dificuldade em treinos e diz que Bobby Green não estava pronto para enfrentá-lo

Russo ressalta que havia se preparado para enfrentar Beneil Dariush e precisou adaptar seu jogo para enfrentar Bobby

I. Makhachev em entrevista pós-UFC Vegas 49. Foto: Reprodução/YouTube

Depois de vitória na luta principal do UFC Las Vegas 49 de sábado (26), Islam Makhachev ressaltou que precisou adaptar o jogo para enfrentar Bobby Green, já que havia traçado uma estratégia para Beneil Dariush. Ele destaca, no entanto, que o norte-americano não estava pronto para enfrentá-lo e, por isso, conseguiu se sobressair.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Honestamente, não. Foi o meu período de treinamentos mais difícil, pois precisei fazer muitos trabalhos, sabe? Estava me preparando para enfrentar Beneil (Dariush) – que é um bom lutador – e eu treinei demais para essa luta. E, quando mudaram de oponente, eu sabia que ele não estava pronto para isso”, afirmou Makhachev.

E não para por aí. Segundo Islam, ele valoriza Green por ser aceitado a luta com cerca de dez dias de antecedência, mas desvaloriza jogo de palavras do norte-americano antes do combate.

PUBLICIDADE:

“Eu tenho que respeitar esse cara, pois ele conseguiu defender minhas tentativas de finalização. E está ok. Ele falou algumas coisas às vésperas da luta, mas não liguei para isso. Não ligo de falarem antes do combate acontecer, mas eu o respeito. É um cara bom e deve ser valorizado por ter aceitado a luta com dez dias”, finalizou.

Perto do cinturão, Islam Makhachev emplacou a décima vitória seguida em sua carreira. Agora, são 22 triunfos e apenas um revés na trajetória do pupilo de Khabib Nurmagomedov.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276