Yoel Romero dá show, consegue nocaute no último segundo e vence primeira no Bellator 280

Aos 45 anos de idade, o cubano não tomou conhecimento de Alex Polizzi e conquistou a primeira vitória desde 2018

Y. Romero derrotou A. Polizzi no Bellator 280 (Foto: Instagram/Bellator)

A primeira vitória de Yoel Romero no Bellator veio em grande estilo. Na luta co-principal do Bellator 280, nesta sexta-feira (6), o cubano de 45 anos não tomou conhecimento de Alex Polizzi, deu show e nocauteou o norte-americano no último segundo do combate.

PUBLICIDADE:

Veja Também

A vitória sobre Alex Polizzi deu fim a uma sequência de quatro derrotas que durava desde junho de 2018. Yoel Romero não vencia uma luta desde que nocauteou Luke Rockhold no UFC 221, em fevereiro de 2018.

Do outro lado, Alex Polizzi perdeu pela primeira vez desde novembro de 2020. Sétimo colocado no ranking dos meio-pesados, o norte-americano vinha de três vitórias consecutivas no cage circular do Bellator.

PUBLICIDADE:

A LUTA

Logo no início da luta, Alex Polizzi tentou entrar em queda, mas caiu de quatro após boa defesa de Yoel Romero. Na sequência, Romero acertou um bom golpe de encontro e defendeu nova tentativa de queda de Polizzi. Na reta final do round, foi o cubano quem conseguiu a queda e terminou o assalto golpeando o norte-americano.

No começo do segundo round, os dois trocaram na curta distância e Yoel Romero conectou uma ótima cotovelada que balançou Polizzi. A partir desse golpe, a luta se tornou um monólogo por parte do cubano. Romero conectou um direto de esquerda certeiro, que levou Polizzi ao primeiro knockdown do combate. Ainda “sambando”, o norte-americano se levantou e sobreviveu até o final do round.

PUBLICIDADE:

Yoel Romero começou o terceiro assalto com três pisões no joelho de Alex Polizzi. Após alguns minutos mais mornos, o norte-americano foi para cima, mas recebeu outro golpe de esquerda e foi novamente a knockdown. Precisando correr atrás do resultado, Polizzi arriscou um chute alto, mas foi atingido por um contragolpe brutal de esquerda de Romero, caindo novamente. No último segundo da luta, quando Polizzi tentava se levantar, Romero acertou um cruzado brutal na cabeça do norte-americano, que decretou o fim do combate.

PUBLICIDADE:

Davy Gallon domina Benjamin Brander e segue invicto no Bellator

D. Gallon superou B. Brander no Bellator 280 (Foto: Instagram)

Na terceira luta do card principal, válida pela divisão dos leves (até 70,3 kg), Davy Gallon dominou Benjamin Brander e conseguiu a vitória por nocaute técnico no segundo assalto. O francês fez o que quis com o suiço e chegou ao triunfo golpeando o oponente em uma posição de “crucifixo”.

O triunfo sobre Brander foi o quinto consecutivo de Gallon na carreira, o terceiro no Bellator. O francês não perde desde março de 2018.

Do outro lado, Benjamin Brander retorna com derrota ao cage circular do Bellator após mais de dois anos lutando em outras organizações. O suiço segue sem vencer no cage circular, com dois reveses em duas lutas.

Lorenz Larkin ‘atropela’ Kyle Stewart e vence sexta seguida

L. Larkin nocauteou K. Stewart no Bellator 280 (Foto: Instagram/Bellator)

Na segunda luta do card principal, válida pelo peso médio (até 83,9 kg), Lorenz Larkin não teve dificuldades para superar o estreante Kyle Stewart e conseguiu a vitória por nocaute técnico no final do primeiro round após uma sequência brutal de joelhadas e socos.

Com o nocaute técnico sobre Kyle Stewart, Lorenz Larkin tem agora seis vitórias consecutivas no cage circular do Bellator. O norte-americano não perde desde que foi nocautedo por Paul Daley, em setembro de 2017..

Do outro lado, Kyle Stewart, que aceitou a luta com apenas 11 dias de antecedência, estreia com derrota na organização. O atleta tem agora 15 vitórias e seis reveses na carreira.

Gregory Babene não toma conhecimento de Mike Shipman e consegue nocaute no primeiro round

G. Babene nocauteou M. Shipman no Bellator 280 (Foto: Instagram)

Na primeira luta do card principal do Bellator 280, válida pelo peso médio (até 83,9 kg), Gregory Babene surpreendeu e nocauteou Mike Shipman no primeiro round. Lutando em casa, o parisiense não tomou conhecimento do britânico e chegou à vitória com uma sequência de socos na metade do primeiro assalto.

Aos 38 anos, Gregory Babene alcançou a sétima vitória consecutiva na carreira. Especialista na luta agarrada, o francês conseguiu seu primeiro nocaute desde 2010.

Do outro lado, Mike Shipman sofreu a terceira derrota nas últimas quatro lutas. O britânico tem agora seis vitórias e três reveses no cage circular do Bellator.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276