VÍDEO: Assista e relembre os melhores nocautes de maio

Em um mês repleto de nocautes plásticos e brutais, a equipe do SUPER LUTAS selecionou aqueles que mais se destacaram

M. Chandler (dir.) aplica nocaute brutal em T. Ferguson (esq.) no UFC 274. Foto: Reprodução/Instagram

Algo que definitivamente não faltou no mundo do MMA em maio foram belos nocautes. Coube a equipe do SUPER LUTAS preparar uma lista com os desfechos mais plásticos e brutais do quinto mês de 2022.

PUBLICIDADE:

A missão não foi fácil, mas no final das contas os selecionados foram Michael Chandler e Chidi Njokuani, pelo UFC, e Maki Pitolo, pelo Eagle FC.

Maki Pitolo x Douglas Usher – Eagle FC 47

D. Usher (centro) foi nocauteado e ‘sambou’ no hexágono do Eagle FC. Foto: Reprodução/Twitter

PUBLICIDADE:

Abrindo a lista está Maki Pitolo, que, no Eagle FC 47, nocauteou Doug Usher de maneira brutal em apenas 30 segundos de luta. Mais marcante que o nocaute em si, foi o que aconteceu após a interrupção. Ao tentar se levantar, ainda desnorteado, Usher “sambou” no hexágono e caiu pela segunda vez antes de anunciar a aposentadoria do MMA.

Assista vídeo do nocaute de Pitolo sobre Usher

PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Chidi Njokuani x Dusko Todorovic – UFC Las Vegas 55

Chidi Njokuani derrotou Dusko Todorovic no UFC Las VEgas 55. Foto: Reprodução/Instagram

Após impressionar com um nocaute relâmpago em sua estreia no Ultimate, em fevereiro, Chidi Njokuani mostrou que pode ser figurinha carimbada nas listas de melhores nocautes. No UFC Las Vegas 55, o norte-americano “apagou as luzes” de Dusko Tudorovic com uma cotovelada brutal ainda no primeiro assalto.

Assista o nocaute de Njokuani sobre Todorovic

Michael Chandler x Tony Ferguson – UFC 274

T. Ferguson recebe duro nocaute de M. Chandler. Foto: Reprodução/Twitter @HansGutknecht

Veja Também

Se para ocupar os outros lugares do pódio foi necessário “quebrar a cabeça”, escolher o melhor nocaute do mês foi das missões mais fáceis. O posto não poderia ser ocupado por ninguém além de Michael Chandler, que “obliterou” Tony Ferguson com um dos chutes frontais mais brutais da história do Ultimate no UFC 274.

Assista o nocaute brutal de Chandler sobre Ferguson

Menções honrosas:

André Fialho x Cameron VanCamp (UFC 274); Paul Daley x Wendell Giacomo (Bellator 281); Fabien Edwards x Lyoto Machida (Bellator 281); Manuel Torres x Frank Camacho (UFC Las Vegas 54); Akhmed Aliev x Darrel Horcher (Eagle FC 47)

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276