Temendo pela segurança de Sonnen, Dana descarta luta contra Wand Brasil

Atleta inglês também revelou que se apresentou lesionado nas lutas contra Vitor Belfort e Alan Belcher

Dana White falou sobre a relação entre Sonnen e o Brasil. Foto: Lucas Carrano/Super Lutas

Dana White falou sobre a relação entre Sonnen e o Brasil. Foto: Lucas Carrano/Super Lutas

A rivalidade crescente entre Chael Sonnen e Wanderlei Silva pode acabar culminando em um combate entre os desafetos. Porém, este duelo jamais aconteceria no Brasil. Em conversa com jornalistas após coletiva de imprensa em São Paulo (SP), na última segunda-feira (30), Dana White deu a entender que um confronto entre Sonnen e Wand pode acontecer, mas alegou que, por segurança, o confronto teria que acontecer nos Estados Unidos.

“Não é possível o Chael Sonnen passar nem três dias no Brasil”, disse o dirigente. “Sei que vocês amariam, mas… Quantos de vocês estavam na coletiva quando Anderson Silva e Sonnen iam se enfrentar pela segunda vez? Foi assustador. Eu estava lá em pé, ouvindo ele falar, e eu olhava para a mídia. Ninguém estava rindo. As pessoas estavam irritadas. Mesmo se trouxéssemos ele para treinar o TUF com o Wanderlei, ele teria que vir sete dias antes, e eu acho que ele gostaria de vir um pouco antes para se aclimatar. Vi como brasileiros reagem ao Sonnen nos EUA. Não tem jeito. Vocês terão de ir aos EUA”, finalizou.

Mesmo em constante atrito com Wanderlei Silva, Chael Sonnen tem outro desafio marcado para novembro. No UFC 167, noite que marca os 20 anos da organização, Sonnen enfrenta o ex-campeão dos meio-pesados Rashad Evans no evento co-principal da noite. Por sua vez, Wand está parado desde o combate contra Brian Stann, em março. O brasileiro se recuperou de uma lesão e recentemente voltou aos treinamentos, mas segue sem adversário definido para sua próxima luta.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments