Pedro Munhoz revela ameaças à família após luta ‘sem resultado’ contra Sean O’Malley no UFC 276

Brasileiro, que sofreu lesão no olho durante embate, admite atitudes condenáveis de internautas

P. Munhoz sofreu uma lesão no olho no UFC 276. Foto: Reprodução/Instagram

Vítima de um dedo no olho que determinou a luta ‘sem resultado’ no UFC 276, Pedro Munhoz revelou que sua família tem sido vítima de ameaças nas redes sociais. Adversário de Sean O’Malley no último sábado (2), o brasileiro afirmou as atitudes condenáveis em entrevista ao ‘The MMA Hour’. Segundo o tupiniquim, a postura do rival após o incidente pode ter influenciado nas ações de uma parcela dos internautas.

PUBLICIDADE:

“Muitas pessoas me mandaram mensagens falando da minha esposa, da minha família, dizendo que querem lutar comigo. Para esses internautas, eu digo: ‘você me pode me encontrar. Estarei na piscina na segunda-feira o dia todo’. Alguns deles se passam por gangsters atrás de uma tela de computador. Muitos deles estavam lá (no UFC 276). Vi muitos deles e ninguém fez nada”, afirmou.

Veja Também

Além de revelar a situação lamentável, Munhoz também criticou a postura de O’Malley após a luta. O brasileiro chegou a confirmar um pedido de desculpas do norte-americano mas, posteriormente, o rival mudou o tom e passou a ironizar a lesão do tupiniquim, que, na sequência, admitiu ter sofrido um corte na córnea.

PUBLICIDADE:

“Ele (Sean) não fez isso de propósito, mas muitas das suas ações depois da luta não são corretas, de acordo com meus valores. Ele pediu desculpas e depois gravou um vídeo no ‘TikTok’ me ridicularizando. (…) Você diz uma coisa e, do outro lado, faz outra”, disse Pedro.

A lesão de Munhoz aconteceu no segundo round. De acordo com dois dos três juízes laterais, o brasileiro vencia o embate. Após o dedo no olho, o brasileiro mostrou incômodo e não pôde seguir no confronto.

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC