Chimaev diz que Durinho nunca vai ser campeão do UFC e critica brasileiro: ‘perdeu e ficou feliz’

Checheno naturalizado sueco fez críticas à postura do brasileiro após a derrota no UFC 273, em abril

K. Chimaev (esq.) derrotou G. Durinho (dir.) no UFC 273. Foto: Reprodução/Instagram

Quase quatro meses após derrotar Gilbert Durinho na luta mais desafiadora de sua carreira até hoje, Khamzat Chimaev não aprova a maneira como o brasileiro lidou com o revés nos últimos meses.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Durante participação recente no podcast “MMA Hour”, do site norte-americano “MMA Fighting”, o checheno naturalizado sueco afirmou que o meio-médio (até 77 kg) brasileiro nunca será campeão enquanto “ficar feliz após ser derrotado”.

“Esse cara (Durinho), eu tornei ele famoso. O cara era um ninguém antes de mim. Eu fiz ele famoso. Ele perdeu a luta e ficou mais feliz. Eu fiquei com raiva daquela luta. Eu venci, mas fiquei com raiva porque não finalizei aquele cara. Eu não entendo como alguns caras como Gilbert ficam felizes após perderem as lutas. Ele foi a todos os lugares, deu entrevistas, ficou falando que vai lutar comigo novamente. É, vamos lutar, que seja, posso enfrentá-lo quando ele quiser, mas não vejo ele sendo campeão. Se você fica feliz quando perde uma luta, você nunca vai ser campeão. Eu venci minha luta, mas fiquei um mês com raiva, treinando para melhorar. Nunca vou entender essas coisas”, criticou Chimaev.

PUBLICIDADE:

Terceiro colocado no ranking dos meio-médios, Khamzat Chimaev retorna ao octógono no dia 10 de setembro, quando enfrenta o veterano Nate Diaz na luta principal do UFC 279, em Las Vegas, nos Estados Unidos.

Podcast #73: MAIOR DE TODAS? Amanda Nunes volta a reinar no UFC