Demian Maia retorna ao octógono contra Rory MacDonald no UFC 170

Brasileiro, que vem de derrota, busca a reabilitação no UFC para retomar a corrida pelo cinturão dos meio-médios

R. MacDonald (esq.) encara D. Maia (dir.) no UFC 170. Foto: Montagem SUPER LUTAS

R. MacDonald (esq.) encara D. Maia (dir.) no UFC 170. Foto: Montagem SUPER LUTAS

O brasileiro Demian Maia já tem data e adversário definido para retornar ao octógono. Depois de perder a invencibilidade na divisão de meio-médios, o faixa-preta paulista encara o duro canadense Rory MacDonald no UFC 170, evento que acontece 22 de fevereiro, em Las Vegas. O anúncio foi feito através do Twitter oficial da organização.

O combate entre Demian e MacDonald marca uma possibilidade de recuperação para dois candidatos ao topo da divisão de meio-médios. O brasileiro, que tem um cartel no MMA de 18 vitórias e cinco derrotas, vinha de três triunfos após descer da divisão de médios e estava próximo da chance pelo cinturão entre os meio-médios. Mas após o revés diante de Jake Shields no UFC Fight Night 29, em São Paulo, no mês de outubro, ele acabou perdendo espaço no ranking.

Por sua vez, MacDonald tem um histórico profissional de 15 vitórias e duas derrotas, é considerado uma das grandes revelações no MMA canadense. Ele chegou a emplacar cinco triunfos em série e também foi cotado ao cinturão. Mas como é amigo do campeão Georges St. Pierre, ele descartava desafiar o compatriota. Porém, o surpreendente revés diante de Robbie Lawler no UFC 167, no último mês, também fez o atleta de 24 anos descer na corrida da categoria.

Ainda na noite desta sexta-feira (06), a organização do Ultimate anunciou que a luta principal do UFC 170 irá marcar a estreia de Daniel Cormier, vencedor do GP de pesos pesados do Strikeforce, na divisão de meio-pesados. Ele encara o ex-campeão da categoria Rashad Evans.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments