Todos os atletas são aprovados no exame antidoping do UFC Fight Night 30

Evento teve a vitória de Lyoto Machida sobre Mark Muñoz como luta principal

Machida (dir.) acerta potente chute em Munoz (esq.). Foto: Josh Hedges

Machida (dir.) acerta potente chute em Munoz (esq.) na luta principal do UFC Fight Night 30. Foto: Josh Hedges

A organização do Ultimate, por meio do vice-presidente de assuntos regulatórios Marc Ratner, anunciou na noite desta quarta-feira (10) que todos os atletas do UFC Fight Night 30, realizado no último dia 26 de outubro na Inglaterra, não apresentaram traços de substâncias ilegais, segundo os exames antidoping realizados após a noite de lutas.

Ratner não divulgou, no entanto, os nomes dos atletas testados. O modelo aplicado pela agência reguladora foi o do exame aleatório, que busca identificar traços de substâncias anabolizantes no organismo dos lutadores ou vestígios de uso recente de drogas, como maconha e cocaína.

Na luta principal do UFC Fight Night 30, Lyoto Machida nocauteou Mark Muñoz com um espetacular chute alto. O combate marcou a estreia de Machida, ex-campeão da categoria meio-pesado, na divisão de pesos médios – até 84 kg. No evento co-principal da noite, o confronto entre os pesos leves Ross Pearson e Melvin Guillard terminou em um no contest (luta sem resultado) após Guillard aplicar uma joelhada ilegal no adversário.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments